Browsing Tag

lançamento

LIVRO CONTA A TRAJETÓRIA DE EVALDO GOUVEIA SERÁ LANÇADO DIA 28 DE AGOSTO

 A música popular brasileira rendeu grandes personagens. Cada um com sua particularidades e muitas histórias para contar. Entre eles, o cantor e compositor cearense, Evaldo Gouveia, escreveu seu nome da história da MPB. O autor de sucessos imortais, muitos ao lado do parceiro Jair Amorim tem a sua trajetória de vida e música contadas no livro O Que Me Contou Evaldo Gouveia, de autoria do comunicador, empresário e produtor cultural Ulysses Gaspar.

O evento de lançamento e noite de autógrafos acontecerá no dia 28 de agosto, às 19h30, na Livraria Leitura, no Shopping RioMar Fortaleza, que também contará com pocket show do cantor, Marcos Lessa, interpretando sucessos de Evaldo Gouveia que também estará presente.

Segundo o autor, não se trata de uma biografia, mas de um relato autobiográfico colhidos em 200 horas de gravação com Evaldo Gouveia acontecidas em encontros com Evaldo Gouveia em na casa do autor, em Fortaleza, e no Rio de Janeiro, na casa do compositor em 20017 e 2018.

As 237 páginas conduzem o leitor por curiosidades, às origens de Evaldo Gouveia no interior do Ceará, sua vinda para Fortaleza ainda criança, sua atuação no rádio na capital cearense, o Trio Nagô, o encontro com figuras que foram parte integrante de suas canções – o parceiro Jair Amorim e seu maior intérprete, o cantor Altemar Dutra, que imortalizou sucessos como, O Trovador, Sentimental, entre outros, até sua consagração como cantor e compositor de sucessos gravados por Nelson Gonçalves, Ângela Maria e  Alaíde Costa.

Aos 91 anos completados no dia  08 de agosto deste ano, Evaldo Gouveia segue influenciando novas gerações. O livro é prefaciado por outro grande nome da MPB, o compositor Paulo César Pinheiro, também parceiro do homenageado.

“Eu quero que o povo cearense conheça a história do maior ícone da música cearense, o cantor e compositor que levou a música do Ceará e do Brasil para o mundo. Depois dele veio a geração Pessoal do Ceará”, declara Ulysses Gaspar a respeito da missão maior do livro.

O Que Me Contou Evaldo Gouveia é uma realização da Leq Produções.

Serviço

Lançamento do livro O Que me Contou Evaldo Gouveia, de Ulysses Gaspar
Pocket show com Marcos Lessa interpretando Evaldo Gouveia.

Presença de Evaldo Gouveia.

Livraria Leitura –  Shopping RioMar Fortaleza (2º Piso)

Dia 28 de agosto, às 19h30

Endereço: Rua Des. Lauro Nogueira, 1500 – Papicu –  Fortaleza – CE

Livro à venda no local: R$ 50,00

Informações: 85 98690-9240

Marulhos, outros barulhos e alguns silêncios: Christovam de Chevalier celebra 20 anos de carreira literária lançando livro

Christovam de Chevalier costuma dizer que, na sua casa, vivem o jornalista e o poeta. “O primeiro é quem paga as contas, mas tenho fé de que, algum dia, ambos vão dividir as despesas”, completa ele com bom humor. O trabalho do poeta completa, este ano, duas décadas de perseverança. E a data é celebrada com o lançamento de “Marulhos, outros barulhos e alguns silêncios” (7 Letras), terceiro livro do escritor. A obra é dividida em três partes. A primeira, “Marulhos”, traz 18 poemas nos quais o mar é a metáfora de um amor que cumpriu seu ciclo – e que inspirou exposição homônima, exibida pelo Oi Futuro no início do ano. As outras partes são “Poema grito”, inspirado pela própria relação do autor com sua escrita, e “Cantares de amor às pessoas do meu tempo”, no qual canta amores findos e saúda artistas que perseveram no seu ofício criador. A orelha da obra é assinada pela crítica e curadora de arte Claudia Ahimsa, que chama a atenção para a qualidade da coletânea: “E impressiona o seu phatos, seu mundo reconstruído (…) assim como o aspecto formal estruturado, o metro, a rima, a sintaxe na linha do irretocável”.

O livro é aberto com “O momento presente (Motivo remix)”, espécie de prólogo no qual o autor leva à poesia a questão da ideologia de gênero. E inicia seu discurso evocando a figura de Cecília Meireles (1901-1964) – que quebrou o paradigma de a mulher ser tratada como poetisa. Mais exatamente o ponto de partida é o poema “Motivo”, da autora (daí o subtítulo do poema). “A poeta nos disse cantar porque existe/o instante e que sua vida estava completa/ E não importa, com sua licença, o que insiste/ em sermos agora. Se homem, mulher ou poeta”, provoca ele.

O leitor mergulha, em seguida, no primeiro dos livros que compõem a coletânea: “Marulhos”. Nessa obra, composta por 18 poemas, o mar é o pano de fundo (ou seria a personagem principal?) para o poeta falar de um amor, da euforia do encontro ao luto provocado por seu ocaso. “Um homem entregue à pena do mar/ ao degredo do mar/ ao indulto do mar/ Meu crime?/ Amá-lo acima dos homens”, entrega ele lançando-se no terreno do mar/amor. E como em toda aventura, há o fim – provocado pela partida do outro: “O marinheiro foi-se/sem deixar pistas de seu destino/ Foi-se como a vida esvai-se/ sem fazer (ou ter) nenhum sentido”.

“Poema grito” é a segunda parte da coletânea. Ela é também composta por 18 poemas, todos sem título, que podem ser lidos cada um individualmente ou formarem um longo e único poema. Nessa parte, o autor expõe sua luta/labuta com a escrita, com algo que é um lampejo daquilo que, quem sabe, pode vir a ser um poema: “Poema-grito que reverbere pelas paredes/ricocheteie nos edifícios/adentre apartamentos/ ensurdeça cada cidadão”.

Em “Cantares de amor às pessoas do meu tempo”, terceira e última parte do livro, o poeta joga luz sobre efemérides de sua vida – e nas de artistas aos quais está ligado. E essas efemérides abarcam desde o fim de mais uma relação amorosa (“Tuas ausências, tuas mentiras/o vazio que era você agora é imenso/ O que encontro de melhor em mim/ é algo que não te confesso) até celebrações, como as que inspiraram os poemas dedicados às cantoras Fhernanda Fernandes (“A propósito de um cantora”) e Laura Finocchiaro (“A artista e seu ofício”), em razão de terem completado, respectivamente, 35 e 30 anos de carreira.

Christovam de Chevalier é, aos 43 anos, apontado por nomes consagrados da literatura como o maior poeta da sua geração. E esses “Marulhos, outros barulhos e alguns silêncios” têm tudo para corroborar isso. É como diz Claudia Ahimsa sobre o novo livro do autor: “o conteúdo libertário, de alma ‘bravia feito o mar’, em versos de alta precisão. Navegar é preciso”.

Mais sobre o autor:

Christovam de Chevalier é autor de “Um livro sem título” (7Letras, 1998) e “No escuro da noite em claro (7 Letras, 2016). Tem também poemas publicados nas revistas “Rua”, da Unicamp, e da Biblioteca Nacional, além da coletânea “Agora como nunca”, organizada por Andriana Calcanhotto e editada no Brasil (Cia das Letras, 2017) e em Portugal (Cotovia).

Serviço:
Título: “Marulhos, outros barulhos e alguns silêncios”
Autor: Christovam de Chevalier
Local: Bienal Internacional do Livro – Arena 2 – Praça O Quinze / Pavilhão Térreo (Centro de Convenções do Ceará)
Editora: 7 Letras
Formato:  14 X 21cm
Número de páginas: 76
Preço: R$ 36

HAMBÚRGUER PLANT-BASED COM GOSTO E TEXTURA DE CARNE CHEGA ÀS LOJAS DO PÃO DE AÇÚCAR 

Mais uma vez sendo referência em lançamentos e novidades na indústria de alimentos, o Pão de Açúcar traz para as suas lojas o hambúrguer que chamou atenção do público desde a data de seu anúncio de chegada ao mercado nacional. Desenvolvido pela startup brasileira Fazenda Futuro, em parceria com a ONG The Good Food Institute, o Futuro Burger é um hambúrguer “plant-based” que já pode ser encontrado em todas as unidades do Pão de Açúcar no Ceará por R$ 17,90 a bandeja com duas unidades. O produto estará disponível nas opções resfriada e congelada.

O Futuro Burger é um hambúrguer vegetal que promete imitar o gosto, o aroma e a textura do hambúrguer tradicional, feito a partir de uma combinação de aromatizantes e temperos naturais, grão de bico, proteína isolada de soja e proteína de ervilha. Já para imitar a cor de sangue da carne bovina foi utilizada beterraba em sua composição.

O lançamento deste produto na rede Pão de Açúcar faz parte do trabalho de inovação que a companhia vem realizando ao formalizar parcerias com foodtechs (startups que aplicam tecnologia à maneira de produzir, vender ou servir alimentos), oferecendo condições especiais para que elas comercializem seus produtos nas lojas da rede. Além disso, a rede mantém a linha de disponibilizar aos clientes produtos inovadores e pioneiros, trazendo novas sensações e experiências na alimentação.

Mad Max The Wasteland – expectativa para lançamento do blockbuster já reflete no mundo da moda

Mesmo sem data para o lançamento oficial, o filme Mad Max – The Wasterland já vem fazendo cabeça das fashionistas com uma tendência que promete ganhar o street style. São os óculos no estilo piloto ou aviador, comumente usados nas cenas de perseguição da obra de George Miller.

Seja com spikes, correntes ou lentes redondas bem marcadas, os modelos já começam a aparecer nas coleções de grandes grifes como AVIADOR e EVOLUTION, e trazem quase sempre tons de cobre e ouro envelhecido, cores inspiradas na realidade do filme e de fácil combinação. 

“Este é um acessório que, acima de tudo, tem personalidade. Os óculos Mad Max são únicos e foram pensados para serem a estrela de qualquer look. É uma trend que vem com tudo para as próximas estações”, pontua o diretor da Aliança de Ouro, Erivan Ferreira. Os óculos Mad Max já estão disponíveis em todas as lojas da Aliança de Ouro, com condições especiais de pagamento, com parcelamento em até 10x sem juros.

Preto Zezé lança segundo livro “Das Quadras Para o Mundo”


De capacidade empreendedora singular, liderança e ativista natural e personalidade forte. Preto Zezé, como ele mesmo diz, é o mediador de realidades distintas e distantes, a juventude negra, pobre e marginalizada espalhada em todo o Brasil e, muitas vezes, escondida no cotidiano do preconceito.

No dia 3 de julho, às 18h, na Livraria Cultura na avenida Dom Luís, Preto Zezé apresenta seu livro “Das Quadras Para o Mundo” (Editora Cene, 192págs, R$ 39,90), onde apresenta em crônicas sua trajetória vivida na comunidade das Quadras, na Aldeota e seu trabalho à frente Cufa. Com prefácio de Celso Athayde, Ceo da Favela Holding e Fundador da Cufa, o evento de lançamento contará, ainda, com sessão de autógrafos e bate-papo com convidados e o secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Ceará Élcio Batista.

No prefácio, o leitor já poderá ter um pequeno aperitivo do tamanho e alcance do trabalho desenvolvido por Preto Zezé no Ceará e o Brasil. Segundo Celso Athayde, já no primeiro momento em que teve contato com o autor, começa a nascer o sonho de criar uma instituição de favelas.

“Num primeiro contato, recrutei, cooptei e apresentei ao Zezé uma realidade e um olhar diferenciado; contei minha história de vida, que também é parecida com a dele, apresentei-lhe o MV Bill, que se preparava para ser um dos maiores ativistas sociais do país. Preto Zezé era o meu maior e mais qualificado crítico, mas com o tempo percebeu que tínhamos mais semelhanças do que divergências e partiu para cima para somar nossos pontos em comum. Apesar de um olhar sempre crítico sobre a realidade que nos cerca, Zezé está sempre procurando construir pontes. Com certeza essa é sua maior característica”, escreve Athayde.

Atualmente, Preto Zezé é um dos representantes da Cufa Global, uma articulação internacional que liga dezessete países com sede das Nações Unidas – ONU.

Preto Zezé

Preto Zezé, 44 anos, nasceu em Fortaleza, entre as ruas de terra da favela das Quadras e o asfalto da Aldeota. Filho de pais retirantes do interior, mãe doméstica e pai pintor da construção civil, é o mais velho de uma família de cinco irmãos.

Seu primeiro projeto de empreendedor foi ser lavador de carros nas ruas da cidade; formou-se na cultura dos bailes funks e da pichação. Em 90 iniciou seu ativismo social na cultura Hip Hop, em particular na música rap. Criou o Movimento Cultura de Rua, como uma rede de jovens das favelas que atuavam pelos direitos civis nas favelas, através de ações culturais e sociais.

Produtor artístico e musical, lançou sete discos, sendo um deles premiado como revelação Norte e Nordeste no maior prêmio de Hip Hop do país, o Prêmio Hutuz.
Idealizou o Programa Se Liga, na TV Verdes Mares: O som do Hip Hop em parceria com a Universidade Federal do Ceará – UFC. Como produtor cultural, realiza diversas ações e projetos culturais como forma de construir uma agenda positiva nas favelas.

Preto Zezé é autor do livro Selva de Pedra: A Fortaleza Noiada, uma pesquisa oriunda do Documentário Falcão – Meninos do Tráfico, de Celso Athayde e MV Bill, onde é relatado o circuito do crack e os seus danos sociais. 

Em 2004, foi coordenador estadual da Cufa CEARÁ e em 2014 torna-se presidente nacional da entidade. Foi blogueiro do site G1 e repórter do quadro Vida Real – Talentos da Comunidade, da TV Verdes Mares (afiliada da Rede Globo – Ceará).
Atualmente, está na presidência internacional da CUFA GLOBAL com sede em Nova Iorque; é empresário e consultor de projetos para empresas e governos na área do desenvolvimento socioeconômico.

Trechos do livro

“Ser ignorado é a pior coisa do mundo; impor a invisibilidade para alguém é violência pura, e essa violência é daquelas que quase sempre não conseguimos nos defender, porque, diferente da violência física, a gente não vê concretamente e logo não consegue criar mecanismos de proteção. É como escrever sem borracha ou nunca ter comido de garfo e faca e chegar num restaurante cheio de requintes de elegância, onde você tem que seguir um enredo que nunca foi ensinado. Esse é o rascunho espinhoso do mundo do homem branco do asfalto.”


“A invisibilidade é um local não existente fisicamente. Ela é um sistema de diminuição e dominação  que controla as emoções, inibe sua ousadia e te faz menor que todos. Como você não se sente capaz, é impossível de você ter uma atitude proativa. Te imobiliza e aí, fisicamente, você some.”


“Minha luta diária é poder inspirar você para fazer a sua caminhada, para ter estímulo no seu objetivo e construir uma vida melhor para você e para os seus.”


“Não deixe a vergonha, a soberba e arrogância te consumirem. Por outro lado, seja ousado ao comemorar suas conquistas e se não puder ser o bom o tempo inteiro, procure sempre ser justo. As palavras provocam boas emoções, mas os exemplos arrastam e mudam o mundo.”

“Não permitam que ideias negativas te ganhem, nem que façam do seu sofrimento justificativa, da sua tragédia palanque e da revolta munição; você é melhor que isso e pode mais.”

Serviço:

Bate-papo e lançamento do livro “Das Quadras Para o Mundo” – Preto Zezé

Data: quarta-feira, 3 de julho

Horário: 18h

Local: Livraria Cultura – Avenida Dom Luís, 1010, Aldeota

www.editoracene.com.br

Fellipe Guerra lança livro sobre Empreendedorismo em parceria com sócios

O professor, contador e membro da Academia Cearense de Ciências Contábeis, Fellipe Guerra, apresenta seu segundo livro “Caminhos do Empreendedorismo” nesta terça-feira 25, às 19h. O Coquetel de lançamento da obra será realizado na BS Design na avenida Desembargador Moreira, 1300.

Caminhos do Empreendedorismo é um livro  voltado para empreendedores ou aspirantes a empreendedores e foi elaborado por Fellipe (coordenador científico da obra), com co-autoria de seus sócios, Vitória Leal, Rondinelly Coelho e Marcos Lima.

“Nosso objetivo é levar o máximo de experiência prática, dicas e insights para que os empreendedores consigam tirar as ideias do papel  e colocarem, de verdade, em execução. A gente sai do âmbito romantizado do empreendedorismo como sendo tudo fácil e entra em um aspecto bem operacional mesmo.

Falamos para o leitor sobre a importância de legalizar uma empresa, sobre a necessidade de ter uma gestão fiscal, contábil e de pessoas, assim como possuir um setor de marketing e comercial. Neste livro, vamos além do empreendedorismo motivacional, mostramos para quem realmente quer empreender os caminhos práticos para quem deseja montar um negócio e ter um empreendimento de sucesso”, comenta o professor.

Fellipe explica que o livro vem sendo idealizado há muitos anos e a inspiração para escrever a obra parte da rotina diária em que ele e seus sócios estão inseridos, com o contato direto com empresários, com a prestação de consultoria oferecida pela Compliance Contabilidade. O contador afirma já  ter vivenciado muitas dores dos empresários, muitos erros dos empreendedores, assim como muitos acertos. “O que a gente observa é que as pessoas que conseguem ter sucesso, são geralmente, aquelas que se preparam mais, e que colocam esses ensinamento que mostramos no livro em prática”, destaca, Fellipe.

A obra está dividida em capítulos que vão trabalhar temas voltados para a gestão. Primeiramente os autores iniciam explicando que o empreendedorismo é para qualquer pessoa que tenha coragem e disposição para colocar suas ideias, sonhos e objetivos em prática, para posteriormente adentrar os aspectos de fins práticos para nortear o empreendedor. Nas seções Gestão financeira do negócio – para que o empreendedor possa avaliar se o empreendimento dá lucro ou prejuízo; Gestão fiscal – como escolher a forma correta de tributação, como deve se preparar para pagar os impostos; Gestão de pessoas – como contratar profissionais, formalizar a contratação; Departamento comercial – a importância de ter vendas, processos bem estruturados; Setor de marketing – como atrair os clientes. O livro é finalizando abordando o tema “Tendências de Mercado”.

O livro Caminhos do Empreendedorismo ainda não está disponível para o mercado. A obra trata-se de uma edição especial, sendo neste primeiro momento destinada a presentear clientes, parceiros e prospects (futuros clientes).

Sobre  o autor e coordenador do livro, Felipe Guerra

Fellipe é um dos principais professores nas áreas contábil e tributária do Brasil com mais de 12 anos de experiência em contabilidade e gestão tributária. Já ministrou palestras em mais de 21 estados brasileiros. Contador e autor do Livro “Descomplicando o SPED”, Tributarista Formado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário – IBPT, Mestre em Administração e Controladoria pela Universidade Federal do Ceará – UFC e faz doutorado em Ciências da Informação na Universidade Fernando Pessoa em Portugal. É coordenador do MBA em Contabilidade, Auditoria e Gestão Tributária do IPOG. Vice-presidente do CRC – CE, sendo eleito um dos contadores mais influentes da internet, com mais de 100 mil seguidores na sua conta do Instagram.

Serviço

Coquetel de lançamento do livro ” Caminhos do Empreendedorismo”

Data do evento: 25 de junho de 2019, 19h00 

Local do evento: BS Design

Av. Desembargador Moreira, 1300 – Fortaleza – CE

Ricardo Lotif lança livro sobre sua trajetória pessoal e profissional

No dia 28 de junho, às 19h no Espaço de Art & Cultura O Povo, o fisioterapeuta e então presidente  do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 6ª Região Ceará – Crefito-6, Ricardo Lotif, lançará seu primeiro livro, ‘Trajetória de Ricardo Lotif Araújo, Fé, Gestão e Trabalho’.

A publicação é um projeto pessoal do gestor, um sonho, que por muito tempo não foi compartilhado e se consolidou após o incentivo de amigos, que enxergam no homem simples, de fala segura e riso sempre presente, uma inspiração para muitas gerações.

Ricardo Lotif tem 42 anos, é cearense, natural de Irauçuba,  casado, tem dois filhos. Já escreveu e publicou diversos artigos e capítulos de livros na sua área de atuação. Formado em Fisioterapia, ele é mestre em Saúde Pública pela Universidade Estadual do Ceará, professor universitário, presidente de uma autarquia federal e atuante em diversas causas em favor da saúde, educação e dignidade humana. Conduz sua carreira de mais de trinta anos com muita fé, foco e espírito de liderança. Aos quinze anos veio para a capital com o objetivo de estudar e cuidar do irmão mais novo com apenas nove anos de idade.  Nascido em família de classe média alta, ele decidiu lutar não só pelos seus sonhos, mas para que todos ao seu redor tenham oportunidades e protagonismo social.

Seu espírito de liderança se pauta em perceber o que não é percebido, ouvir quem não é ouvido, falar por quem não tem voz e ensinar a lutar, quem ainda não tem as ferramentas para isso. Sua educação lhe fez ser um gestor. “Eu aprendi isso muito cedo. Desde criança fui orientado a cuidar de mim e buscar meus objetivos.  Saí do interior para estudar na capital e precisava ter disciplina para não perder o rumo dos meus objetivos, afinal estava longe da família “, revela. Para ele as pessoas podem ser gestoras em “coisas simples da vida'”, casa, carreira, estudos, tarefas cotidianas, etc. “o importante é sempre lembrar que o conhecimento é essencial, assim como sua busca por ele“, afirma.

Ao ser convencido a registrar sua trajetória num livro, pensou que poderia entrevistar os locais de onde recebeu prêmios, homenagens,comendas e agradecimentos. “Pensei que seria interessante que explicassem o motivo de me agraciar com tais homenagens, pois já teria uma parte da minha vida profissional contata por cada um deles“, diz o autor Ricardo Lotif. Ao todo o fisioterapeuta já recebeu mais de trinta premiações e reconhecimentos por sua atuação em na área profissional e em causas sociais. Como gestor já passou por diversos lugares, incluindo conselhos e associações.

Aos poucos o projeto, feito por “seis mãos”, como ele mesmo fala, pois contou com o trabalho da jornalista Cláudia Leite e do fotógrafo Jelbes Lima, foi crescendo, as entrevistas foram acontecendo e o livro foi tomando forma diante da história do homem que é pai, filho, marido, amigo, neto, esportista, professor, presidente de conselho e um incansável aprendiz da vida. “Estou muito feliz por poder compartilhar essa história com as pessoas, tenho muito orgulho de todo o trabalho árduo para chegar até aqui e dou graças a vida e a Deus, afinal, o universo conspira a favor de quem não conspira contra ninguém“, comemora.

Serviço:

Lançamento do livro ‘Trajetória de Ricardo Lotif Araújo, Fé, Gestão e Trabalho’

Data: 28 de junho de 2019

Horário: 19h

Local: Espaço de Art & Cultura O POVO – Endereço: Av. Aguanambi, 282 – Fortaleza-CE

Sobral Gráfica e Editora desenvolve caixa exclusiva para lançamento da Cerveja Legítima do Ceará

A Sobral Gráfica e Editora desenvolve mais um produto exclusivo, em parceria com a Agência Bando. A novidade da vez foi a caixa usada para o lançamento da Cerveja Legítima do Ceará, da Cervejaria Ambev, que escolheu uma gráfica genuinamente cearense para produzir a embalagem do seu mais novo produto, que tem a cara do estado (feita com mandioca cultivada no Sul do Ceará e com fabricação, envase e distribuição locais).

Na fabricação da caixa, foi necessária a junção de vários substratos, incluindo um tipo de tecido que foi acoplado ao papel cartão, para formar o “berço” do produto. O grande diferencial da caixa é o acabamento, que foi feito de forma artesanal, em capa dura, com revestimento de papel impresso e laminado, deixando a caixa totalmente personalizada e em sintonia com o produto apresentado ao mercado.

A cerveja Legítima foi lançada neste mês de junho, como uma bebida que traduz toda a personalidade do povo do Ceará. A Ambev faz questão de reforçar que a Legítima, como o próprio nome diz, é inspirada na legitimidade do cearense em reafirmar sua verdade, identidade, valores culturais, tradições e costumes.

Alessandro Belchior Imóveis lança empreendimento Pátio Beira Rio

Com  obras iniciadas em março desse ano e entrega prevista para daqui a 9 meses, a Alessandro Belchior Imóveis lança o empreendimento Pátio Beira Rio, localizado na Av. Rogaciano Leite, 2080.

A imobiliária é a responsável pelo desenvolvimento, locação e administração, com espaços que variam de 78m2 a 2.300mpara locação. Marcas de peso já estão confirmadas, tendo à frente o Pinheiro Supermercado, além de academia, farmácia, clínica popular, instituição de ensino, call center, açaí, hamburgueria, home center. 

Perfil do empreendimento – Pátio Beira Rio

Mais de 200 vagas de estacionamento

Terreno com 7.404m2 de área

Área total Construída: 10.268,84m2 

Nascente

3 Frentes

ABL: 1.680,91m2 (supermercado) + 3.804m2=5.484,91m2

Sobre a Alessandro Belchior Imóveis

Com 30 anos de experiência, a Alessandro Belchior Imóveis trabalha em toda a cadeia imobiliária nas áreas de comercialização, locação e administração de imóveis. A empresa opera com imóveis de todos os portes, atuando em toda a Grande Fortaleza e em alguns municípios do interior. Como empresa socialmente responsável, a Alessandro Belchior Imóveis criou em 1992 o seu principal projeto social, o Amigos em Ação, que beneficia anualmente instituições filantrópicas com doações de alimentos. A campanha começou como uma atividade de arrecadação de alimentos para serem doados durante o período natalino e expandiu-se alcançando resultados sociais expressivos.

ABRH-CE promove lançamento do CEARÁ RH 2019

Nesta segunda-feira (3), no espaço BS Design, na Aldeota, às 19h, convidados e imprensa participarão de coquetel de lançamento do CEARÁ RH 2019 – Congresso de Gestão de Pessoas e a Expo RH, maior encontro da área de Recursos Humanos e Gestão do N/NE.

Na ocasião, os convidados conhecerão alguns detalhes do congresso, que em 2019 vai para sua sexta edição e acontece dias 5 e 6 de setembro, no Espaço Expansão e Teatro do Shopping Rio Mar Fortaleza, com a previsão de reunir cerca de 1,5 mil congressistas do Ceará e vários estados do país, a realização de 40 palestras com a participação de 52 palestrantes dos mais renomados grupos e empresas do segmento e a expectativa de reunir mais de 5 mil visitantes, que irão visitar a feira com 35 stands.

A realização do congresso é da ABRH-CE (Associação Brasileira de Recursos Humanos secção Ceará) com o apoio da ABRH Brasil e organização da Result Eventos.

O CEARÁ RH 2019 terá como tema central Conecta RH, onde serão discutidos além dos impactos e a relevância da realidade digital na área de recursos humanos nas empresas e entre profissionais do setor, os aspectos voltados para a capacitação de profissionais e estudantes das áreas de recursos humanos e afins; intercâmbio de experiências, promoção da disseminação das boas práticas em gestão de pessoas, networking, ênfase da postura legal, a ética, a excelência nas ações e a valorização do ser humano.

Serviço:

Lançamento do CEARÁ RH 2019 – Congresso de Gestão de Pessoas & Expor RH

Data: segunda-feira (3)

Local: BS Design, Avenida Desembargador Moreira, 1300, Aldeota, Fortaleza

Horário: 19h

Evento fechado para convidados e Imprensa

BioSeiva lança linha de tratamento capilar com Açaí e Murumuru

Os principais ativos Óleo de Açaí e Manteiga de Murumuru são responsáveis pela hidratação intensa, umectação e alinhamento dos fios

Tendo como principais ingredientes o Óleo de Açaí, Manteiga de Murumuru e Pantenol, ativos de alta performance e interação com os fios, a nova linha capilar da BioSeiva, ‘Açaí e Murumuru’ promete atender a todos os tipos de cabelo. Os produtos atuam tratando de forma multifuncional, proporcionando intensa hidratação e reposição de lipídios, um dos principais componentes do fio. Seus ativos penetram profundamente na fibra capilar e alinham as cutículas, o que automaticamente devolve a elasticidade e forma natural.

A linha é composta por shampoo, condicionador, máscara de tratamento e creme para pentear. Ela passa a integrar a completa lista de produtos para cuidados com o cabelo, da BioSeiva e já participa do seu novo catálogo.

Os ativos

Conheça mais a ação de cada componente da fórmula da Linha Capilar Açaí e Murumuru.

Óleo de Açaí

O líquido extraído do fruto de origem amazônica, favorece a o aumento de retenção das moléculas de água, colaborando para uma melhor hidratação. Também possui ácidos graxos essenciais, além de ser antioxidante.

Manteiga de Murumuru

O Murumuru é de origem amazônica e reconhecido pela função de controle do volume e combate ao frizz e hidratação.. A versão manteiga tem suas amêndoas prensadas e secas, o que justifica o sucesso, no caso das madeixas, é a promessa de domar os fios e controlar o excesso de volume.

Pantenol

Álcool precursor da vitamina B5, sendo conhecido também de pró-vitamina B5. É um ingrediente com poderosa ação hidratante. Possui ácido pantotênico, vitamina muito importante para a saúde da pele, unhas e cabelos.

Para os cabelos possui ação regeneradora, fortalece a raiz e os fios, é responsável pela redução de pontas duplas age melhorando inflamações no couro cabeludo, aumenta o brilho dos fios e favorece a uma textura do cabelo.

Onde encontrar:

Os produtos BioSeiva podem ser encontrados através de revendedoras, localizadas pelos site http://www.bioseiva.com.br/ e também nas lojas Mundo Verde e Sellene Mega Diet.

Sobre a BioSeiva

A BioSeiva é uma indústria cearense de cosméticos, que busca o melhor de ativos naturais e os transforma em produtos para cuidados com o cabelo, corpo, rosto e bem-estar, como sabonetes íntimos, géis de massagem e fitoterápicos.

A empresa se destaca pela produção artesanal de muitos dos extratos utilizados em seus produtos, garantindo alta qualidade e eficiência, fidelizando o consumidor. Todos os produtos são notificados ou registrados na ANVISA. A marca zela pelo meio ambiente, não realiza testes em animais e busca por parceiros com certificação ISO 14001.

Meia Maratona Turística de Fortaleza, Corrida 21K Terra da Luz, anuncia nova edição

A terceira edição da Meia Maratona Turística de Fortaleza, a 21K Terra da Luz, já tem data confirmada: o evento acontece no dia 1º de setembro de 2019. A corrida terá três modalidades (7km, 14km e 21km) e, neste ano, homenageia os 180 anos do Dragão do Mar.

O lançamento da Terra da Luz 21k acontece no dia 25 de maio, no Teatro Ceará Show, às, 18h30, em coquetel exclusivo para convidados. Em seguida, às 19h30, haverá uma apresentação especial do espetáculo permanente Ceará Show: o Musical, parceiro promocional do evento. As inscrições poderão ser efetuadas a partir do dia do lançamento, através do site da Nova Letra (https://novaletra.com.br/).

GERALDO AZEVEDO LANÇA ‘SOLO CONTIGO’, EM FORTALEZA

A figura marcante deste cantador, sozinho no palco, vestido como um trovador moderno, empunhando seu eterno companheiro de luta (o violão), tocando e “en-cantando”, remete a um lugar no espaço-tempo no qual a areia da ampulheta não cai, o relógio deixa de marcar as horas e o calendário não faz mais sentido.

É um daqueles raros momentos em que você pede licença e embarca numa viagem ao fundo do coração – algo que poucos artistas podem nos proporcionar de verdade nos dias de hoje.

A força do cancioneiro de Geraldo Azevedo é impressionante – mas não surpreendente para quem o acompanha. O repertório escolhido para as apresentações nas noites dos dias 1 e 2 de junho, no Teatro Via Sul Fortaleza, é apenas uma das possíveis sínteses de uma obra sólida, elaborada em diversas fases de sua vida.

Adequadamente batizado de “Solo Contigo”, este projeto reapresenta alguns dos momentos mais significativos de Geraldo Azevedo, tocados no formato onde a canção nasce e onde tudo começa, no formato voz e violão, o principal eixo na feitura de sua música, elaborada nota por nota, acorde por acorde, melodia por melodia, no decorrer de seus 52 anos de carreira.

Curiosamente (ou não), este é o primeiro registro produzido em vídeo, com foco total apenas neste tipo de show que o mestre faz há décadas – nele estão canções escritas ao lado de seus ilustres parceiros, ao longo dos anos, mas que poderiam ter sido compostas ontem mesmo: atemporais e universais, falam direta e intimamente com cada um de nós.

“A realização deste projeto é algo que faltava à minha obra”, confessou Geraldo a este que vos fala. E não é de hoje – muito pelo contrário – que produtores, músicos, cantores e compositores são categóricos em reiterar que uma das melhores formas de você compreender e sentir a essência de uma canção é ouvi-la em seu estágio básico, na voz e no violão somente. “É onde ela se revela plenamente”, afirmam.

A apresentação começa com uma releitura de “Príncipe Brilhante”, do álbum “For All Para Todos”, de 1982 – um acerto, sem dúvida – iniciar a comunhão com sua plateia com essa lúdica versão, acompanhada por uma caixinha de música que nos teletransporta aos tempos da infância, onde sonhos e viagens imaginárias habitavam o nosso dia a dia. É um prenúncio do que que virá pela frente.

Na sequência, o cancioneiro azevediano vai tomando conta do Centro Cultural João Nogueira, desfilando clássicos lançados em álbuns que definiram seu perfil artístico e seu sucesso – ali estão “Inclinações Musicais”, “Canta Coração”, “Dia Branco” e “Moça Bonita”, do LP de 1981 “Inclinações Musicais”; “O Princípio do Prazer”, “Chorando e Cantando” e “Dona da Minha Cabeça”, de seu primeiro trabalho independente, produzido com recursos próprios, “De Outra Maneira”, lançado em 1986. Brilham ainda neste setlist, dentre outras canções essenciais de sua obra, a belíssima parceria com Alceu Valença, “Caravana”, lançada na trilha sonora da novela “Gabriela”, em 1975, além de “O Charme das Canções”, gravada em 1984 no LP “Tempo Tempero”, feita com Capinan; “Letras Negras”, do disco “Berekekê” (1991), outra parceria com Fausto Nilo; “Bicho de 7 Cabeças II” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Renato Rocha) e, claro, “Táxi Lunar” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Alceu Valença), ambas do antológico álbum de 1979, “Bicho de Sete Cabeças”.

Neste mar de canções não poderiam faltar inéditas: o ator e compositor Mário Lago teve sua poesia “O Amor Antigramático” musicada por Geraldo. “A Saudade Me Traz”, de autoria do companheiro de trabalho Sergio Peres, também foi selecionada para o espetáculo. Completam ainda o time de novidades “Pensar em Você”, de Chico César; “Veja (Margarida)”, de Vital Farias; e “Estácio, Eu e Você”, faixa que abre “Pérola Negra”, o clássico álbum de 1973, numa emocionada homenagem que Geraldo Azevedo presta à Luiz Melodia.

Porém, tão importante quanto este cancioneiro, é a presença calorosa, muito à vontade, deste cantador, nascido às margens do majestoso Rio São Francisco, no enorme palco carioca. Ele se apresenta como se estivesse nos recebendo na sala de sua casa, com toda a hospitalidade típica do nordestino, onde sempre canta para amigas e amigos. E aqui cabe a pergunta: o palco é a sua casa? Ou a casa é seu palco?

“Solo Contigo” vem se somar a outros importantes registros ao vivo em voz e violão em sua discografia: os CDs “A Luz do Solo” (1985) e “Ao Vivo Comigo” (1994). A produção musical e gravação de áudio ficaram por conta de outro grande parceiro de longa data: o guitarrista e produtor Robertinho de Recife. A direção de fotografia e geral deste DVD, realizada com muita sensibilidade, é de Bernardo Mendonça.

“Solo Contigo” cumpre vários papéis. O principal, talvez, seja o de relembrar (porque nós, brasileiros, somos os campeões do esquecimento) que Geraldo pertence à geração de artesãos da canção popular brasileira, a geração nascida na década de 1940, tão presente nas nossas vidas, que produziu e produz até hoje, a maior parte do que há de mais inspirador, relevante, especial e belo dentro da música brasileira. E Geraldo Azevedo é um destes mestres.

DVD GERALDO AZEVEDO – SOLO CONTIGO

Gravado no Rio de Janeiro, em 06 de setembro de 2018, no Imperator – Centro Cultural João Nogueira

VOZ, VIOLÃO E DIREÇÃO MUSICAL – Geraldo Azevedo

PRODUÇÃO MUSICAL, GRAVAÇÃO E DIREÇÃO DE ÁUDIO – Robertinho de Recife

DIREÇÃO E DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA – Bernardo Mendonça

DIREÇÃO DE PRODUÇÃO – Emília Veras e Gabriela Azevedo

FAIXAS DO DVD

  1. Príncipe Brilhante (Geraldo Azevedo / Carlos Fernando)
  2. Inclinações Musicais (Geraldo Azevedo / Renato Rocha)
  3. O Amor Antigramático (Mário Lago / Geraldo Azevedo)
  4. Estácio, Eu e Você (Luiz Melodia)
  5. A Saudade Me Traz (Sergio Peres)
  6. O Charme das Canções (Geraldo Azevedo / Capinan)
  7. O Princípio do Prazer (Geraldo Azevedo)
  8. Letras Negras (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  9. Canta Coração (Geraldo Azevedo / Carlos Fernando)
  10. Veja (Margarida) (Vital Farias)
  11. Tanto Querer (Geraldo Azevedo / Nando Cordel)
  12. Pensar em Você (Chico César)
  13. Caravana (Geraldo Azevedo / Alceu Valença)
  14. Chorando e Cantando (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  15. Parceiro das Delícias (Geraldo Azevedo / Capinan)
  16. Talvez Seja Real (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  17. Estrela Guia (Geraldo Azevedo / Carlos Fernando)
  18. Você Se Lembra (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo / Pippo Spera)
  19. Bicho de 7 Cabeças II (Geraldo Azevedo / Zé Ramalho / Renato Rocha)
  20. Dona da Minha Cabeça (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  21. Dia Branco (Geraldo Azevedo / Renato Rocha)
  22. Moça Bonita / Sabor Colorido (Geraldo Azevedo / Capinan)
  23. Táxi Lunar (Geraldo Azevedo / Zé Ramalho / Alceu Valença)

FAIXAS DO CD

  1. Inclinações Musicais (Geraldo Azevedo / Renato Rocha)
  2. O Amor Antigramático (Mário Lago / Geraldo Azevedo)
  3. Estácio, Eu e Você (Luiz Melodia)
  4. A Saudade Me Traz (Sergio Peres)
  5. O Charme das Canções (Geraldo Azevedo / Capinan)
  6. O Princípio do Prazer (Geraldo Azevedo)
  7. Letras Negras (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  8. Veja (Margarida) (Vital Farias)
  9. Você Se Lembra (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo / Pippo Spera)
  10. Pensar em Você (Chico César)
  11. Caravana (Geraldo Azevedo / Alceu Valença)
  12. Dona da Minha Cabeça (Geraldo Azevedo / Fausto Nilo)
  13. Moça Bonita / Sabor Colorido (Geraldo Azevedo / Capinan)
  14. Táxi Lunar (Geraldo Azevedo / Zé Ramalho / Alceu Valença)

TURNÊ DE LANÇAMENTO

SHOW EM FORTALEZA

Serviço:

Show: GERALDO AZEVEDO TUNÊ ‘SOLO CONTIGO’

Data: 01 E 02 DE JUNHO

SÁBADO às 21h e DOMINGO às 20h

Local: Teatro Via Sul Fortaleza

Vendas:

Bilheteria do Teatro Via Sul

Avenida Washington Soares, 4335

(85) 3099.1290

Online: www.ingressorapido.com.br

Valores:

Mezanino: meia R$ 55,00 e inteira R$ 110,00

Plateia alta: meia R$ 60,00 e inteira R$ 120,00

Plateia Baixa: meia R$ 70,00 e inteira R$ 140,00



➢ Ouça aqui o CD ‘Solo Contigo’ com 14 faixas

➢ Assista aqui ao vídeo release com entrevista feita por Charles Gavin

➢ Assista aqui ao clipe da faixa “A Saudade Me Traz”



Filme “Blood Money 2: A Verdade da Escolha” será lançado em Fortaleza, nesta quinta (2), e traz de volta o debate sobre o direito à vida e contra o aborto

 

O documentário “Blood Money 2: A Verdade da Escolha”, uma produção da Estação Luz Filmes, será lançado em Fortaleza na quinta-feira (2/5), às 19h30, no Auditório Vereador Ademar Arruda da Câmara Municipal de Fortaleza. Com apoio do Movimento pela Vida e Não-Violência (Movida), o filme “Blood Money 2” tem direção do norte-americano David Kyle e do brasileiro Lucas Dantas, e dá sequência a uma série de filmes com a temática de defesa do direito à vida e lançado anos anteriores, como “Flores de Marcela”, “Eu, Vitória”, “Doonby” e o primeiro filme “Blood Money – Aborto Legalizado”.

O filme “A Verdade da Escolha” traz uma série de entrevistas e depoimentos de especialistas na área jurídica, médica e política, bem como o relato de famílias que, mesmo diante do diagnóstico de microcefalia em decorrência da infecção pelo vírus Zika durante o período de gravidez, decidiram defender a vida de seus filhos. O roteiro passeia também por diversas ações dos movimentos pró-vida em todo o país, mostrando caminhadas e atos em defesa da vida, e apresenta o belo e relevante trabalho feito por casas de acolhimento que, além da vida do bebê, se propõem também a olhar pela mãe e valorizar a vida da mulher. Segundo o diretor Lucas Dantas, “a intenção e o foco do filme neste momento histórico é clarear para a sociedade brasileira que existe uma escolha positiva acerca da vida”.

O lançamento do filme reacende as discussões a respeito da valorização da vida, em um momento onde o discurso e ações que favorecem o aborto no país tentam ganhar espaço, especialmente por conta da iminente votação da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5581, marcada para o dia 22 de maio de 2019, pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e que poderá ampliar a despenalização do aborto para grávidas cujos bebês apresentam diagnóstico de microcefalia em decorrência da infecção pelo vírus Zika.

O filme foi lançado no último dia 25 de abril, em Brasília (DF), no Senado Federal, e será apresentado simultaneamente nesta quinta-feira, dia 2 de maio, em Aracaju (SE), e em um evento no dia 7 de maio, em São Paulo (SP). “Blood Money 2” estará disponível em home-vídeo e para visualização na plataforma YouTube. O filme em DVD terá também distribuição ampla e gratuita durante eventos públicos sobre a defesa da vida e contra o aborto a serem promovidos em todo o país. As ações vêm reforçar o movimento em defesa da vida no Brasil, que já conseguiu uma grande vitória no Senado Federal através de um requerimento do Senador eleito pelo Ceará, Luís Eduardo Girão, que resultou no desarquivamento do Projeto de Emenda Constitucional (PEC) nº 29/2015, a chamada “PEC da Vida”, cuja finalidade é a “explicitação inequívoca da inviolabilidade do direito à vida, desde a concepção”.

Mas o ano de 2019 sinaliza muitos desafios para o movimento pró-vida. Segundo Fernando Lobo, membro do Movida, “teremos um dos anos mais difíceis do movimento, principalmente por este ativismo judicial do STF que insiste em legislar e só a mobilização de todo o movimento pró-vida poderá conter essas ações”.

 

Serviço

Lançamento do Filme “Blood Money 2: A Verdade da Escolha” em Fortaleza (CE)

Data: 2 de maio (quinta-feira)

Horário: 19h30

Local: Câmara Municipal de Fortaleza (R. Dr. Thompson Bulcão, 830 – Patriolino Ribeiro)

Livro “A Formação do Analista – um sintoma da psicanálise” será lançado no próximo dia 02 de maio

 

 

O tema formação do psicanalista já foi amplamente debatido por autores no Brasil e no exterior com importantes trabalhos publicados, entretanto a temática está longe de ser esgotada. A problemática virou objeto do livro “A Formação do Analista – um sintoma da psicanálise”, escrito por Mônica Portugal e publicado pela Editora Escuta. O livro é fruto de pesquisa acadêmica do mestrado junto à Universidade Federal do Ceará (UFC). A obra vai ser lançada no próximo dia 02 de maio, na livraria Cultura, a partir das 19h.

A autora busca mostrar que a formação do analista é sintoma da própria psicanálise. O trabalho busca responder a que vem a psicanálise. Seria um meio terapêutico que possa aplacar a ira contra o mal-estar na cultura? Ou ela vem em busca de estabelecer para o sujeito a verdade de sua inexorável divisão? Caso a formação do analista siga o ritmo de uma profissão como outra qualquer, atendendo aos anseios e ao ritmo do mercado, a única resposta possível dirá respeito ao apequenamento da psicanálise, uma vez que esta estaria circunscrita a uma terapêutica.

“O livro mostra uma inquietação acerca do avanço de instituições ditas de psicanálise na grande rede com apelos para formar profissionais psicanalistas, os quais estão completamente afastados dos princípios e fundamentos que regem o ofício da psicanálise. Defendo que é necessário que se tenha uma profissão qualquer antes de se ocupar o lugar de analista, pois um analista é um efeito que só funciona no dispositivo analítico”, explica Mônica Portugal.

A obra é dividida em três partes. Na primeira, “A formação do analista”, há uma digressão acerca dos conflitos que rondam as experiências de Freud e Lacan relacionadas ao tema, situando a discussão em torno da verdade do sintoma. A segunda trata do conceito dos discursos em Lacan, cotejados às profissões que Freud asseverou como impossíveis: analisar, educar e governar, sabendo que essas três alicerçam a formação do analista, ou seja, uma análise, a apreensão teórica e a supervisão ou controle clínico.

Na última parte, a autora interroga sobre a inconsistência da formação de um “profissional” psicanalista, a partir da posição do discurso do capitalista. Neste ponto, as categorias tempo e dinheiro surgem como denominadores no processo, com a entrada de Marx, o qual assevera que o dinheiro confraterniza com as impossibilidades.

 

Sobre Mônica Portugal

Mônica Maria de Andrade Torres Portugal (58) nasceu em Fortaleza (CE). Formação em Ciências Econômicas; pós-graduada pela Fundação Getúlio Vargas em Gestão Financeira e Empresarial. Exerceu por mais de 25 anos o cargo de Auditora Fiscal da Receita Federal do Brasil, atualmente aposentada, e há 14 anos trilha o caminho da formação do analista.

A autora publicou o artigo ” Psicanálise: de uma necessária weltanschauung científica à impossibilidade de acomodação no âmbito da ciência”, no livro Filosofia da Ciência e Formação Humana (CHAGAS. E. e outros, Curitiba, Editora CRV, 2016), além de publicação e apresentação de escritos em diversos fóruns de psicanálise no Brasil. Foi membro fundadora da instituição Invenção Freudiana em Fortaleza e atualmente é membro do Espaço Moebius, em Salvador.