Browsing Tag

CESTA BÁSICA

Assaí Atacadista lança Cartão Cesta Básica para auxiliar nas doações de pessoas físicas e jurídicas 

Em apenas 40 dias, o Assaí Atacadista e a Epay, especialista em soluções pré-pagas, desenvolveram um Cartão Cesta Básica para atender a demanda de empresas e pessoas físicas por cestas básicas para doações ou entrega a funcionários. O cartão permite que o comprador recarregue quantas vezes quiser um cartão físico ou digital com qualquer valor entre R$ 50 e R$ 200. Desde o fim de março, a rede comercializou mais de 300 mil cestas básicas físicas em todo o Brasil.

“A procura pelos produtos alimentícios que compõem a cesta básica aumentou significativamente em nossas unidades desde o início da pandemia. Essa solução nos permitiu ampliar a nossa capacidade de atendimento e facilitar a compra para quem não dispunha de espaço físico e de logística para armazenar e transportar essa ajuda”, explica Daniela Sabbag, Diretora Financeira do Assaí.

A solução já está disponível em todas as lojas da rede (cartão físico), mas também pode ser adquirida pelo e-mail cartao.cestabasica@assai.com.br.

Para utilizar o benefício, basta apresentar o Cartão Cesta Básica Assaí diretamente no caixa, no momento do pagamento. Para a versão digital do produto, o cliente deve apresentar o cartão virtual, embarcado no app Assaí, no momento de finalizar a compra. O operador, então, escaneia o cartão e finaliza a compra em segundos. O método de pagamento não é válido para compra de bebidas alcoólicas e cigarros.

Prefeito Roberto Cláudio anuncia auxílio para taxistas, mototaxistas e motoristas de aplicativo

O prefeito Roberto Cláudio anunciou, nesta quinta-feira (09/04) a extensão do projeto de Segurança e Proteção Alimentar Municipal para taxistas, mototaxistas e motoristas de aplicativos. Mais de 14.400 profissionais serão beneficiados com uma cesta básica durante o período de enfrentamento ao coronavírus.

Como critério, foi definido que receberão o benefício mototaxistas cadastrados junto à Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), taxistas (autorizatários, permisssionários e substitutos) que estão com carteira válida desde 2019 e motoristas de aplicativos que trabalham por mais de 30h por semana ou acumulado médio de 120 horas por mês, o que caracteriza aqueles que são considerados motoristas exclusivos.

“Cada um desses 1.518 mototaxistas, 5.099 taxistas e 7.800 motoristas de aplicativos dentro do critério vai ter o direito a receber, a partir do dia 20 de abril, uma cesta básica. A decisão nossa foi garantir o benefício por dois meses”, declarou o Prefeito, que também informou que haverá a suspensão de cobrança e realização de vistoria dos táxis em abril e maio, com reavaliação no mês de junho, atendendo a pedidos do Sindicato dos Taxistas do Ceará (Sinditáxi).

Plano de Segurança e Proteção alimentar

De acordo com Roberto Cláudio, a partir de 20 de abril, a Prefeitura passa a distribuir 341 mil cestas básicas tanto dentro das escolas como também para os beneficiários do Bolsa Família que não têm filhos na escola, são muitos jovens ou não estão em idade escolar.

Plano de proteção a profissionais autônomos, artesãos e artistas locais

Na mesma data, a Prefeitura começa a realizar o pagamento às famílias de 22.500 feirantes, ambulantes, autônomos, artesãos e artistas cadastrados no Município, que receberão auxílio à renda de R$ 100,00 por mês.

Roberto Cláudio ressaltou ainda que essas medidas que buscam garantir uma rede de proteção social, econômica e alimentar para os mais vulneráveis estão sendo tomadas dentro dos limites legais e financeiros do Município.

Ferroviário busca patrocinador para campanha de doação de cestas básicas

A campanha Ferroviário Solidário, que já movimentou inúmeras doações para instituições como IPREDE e SOPAI, agora tem um novo propósito. Diante da necessidade de isolamento social, com a pandemia do novo coronavírus que assola todo o mundo, muitas pessoas estão passando por necessidade. A sobrevivência vai além da preocupação com  saúde e passa por garantir a própria alimentação e de seus familiares.

O Ferroviário Atlético Clube está disponibilizando um espaço no uniforme para um Supermercado, em troca de cestas básicas para moradores mais necessitados da Barra do Ceará. Procuramos por um #PatrocinadorSolidário

A dificuldade é de todos. Não está fácil gerir nosso clube diante de toda essa crise e da paralisação do futebol, mas com certeza sairemos mais fortes de tudo isso se pudermos ajudar àquele que mais precisa.
O acordo contratual entre as partes é simples. O Ferroviário cede a propriedade de patrocínio nas mangas de seu uniforme oficial, em espaço ainda disponível, até o final do ano, e o valor a que teria direito será convertido em cestas básicas a serem distribuídas na região onde localiza-se a sede do clube.

A diretoria executiva coral já está em busca de supermercados que possam abraçar esta ideia. Caso algum empresário se interesse, deve entrar em contato pelo e-mail: marketing@ferroviario.com.br

É objetivo do Ferroviário Atlético Clube, inclusive estatutário, promover práticas de atividade social, assistencial, cultural, recreativo, esportivo e educacional, mantendo sempre viva a chama da caridade e atenção aos mais necessitados.

#PrecisamosJogarJuntos #JuntosSomosMaisFortes #RaizÉSerFerroviário

IPCE da Ceasa-CE registra aumento acumulado de 18% na cesta básica

 

O Índice de Preços da Ceasa Ceará (IPCE), pesquisa que analisa o preço de 65 produtos do mercado atacadista de Maracanaú, registrou 18% de aumento na cesta básica, no acumulado de novembro de 2018 a novembro de 2019. Outro setor que teve aumento no período foi o de Raiz, Bulbo e Rizoma (+14,66%). Em queda, os setores de Frutas (-0,90%), Hortaliças Fruto (-4,63%) e Folha, Flor e Haste (-5,81%). No geral, o aumento acumulado de todos os setores foi de +8,32%.

 

Comparando os meses de outubro e novembro deste ano, as  frutas que tiveram maior queda em seus preços foram o melão amarelo (-29,07%), o melão japonês (-19,19%), a banana pacovan e prata (-12,15%) e a manga tommy  (-8,45%). Já as campeãs de aumento de preços foram o maracujá azedo (+23,30%), o abacate (+17,21%), a melancia (+16%) e o abacaxi (+9,62%).

 

No setor de Folha, Flor, Haste, os produtos que tiveram queda em seus preços foram a alface (-13,40%), o coentro (-3,35%) e a cebolinha (-2,62%). Já a couve flor registrou aumento de +11,05%, seguida do repolho híbrido que subiu + 9,55.

 

Na categoria de Hortaliças e Fruto, a maior queda de preços registrada foi da vagem

(-10,14%) e da pimenta de cheiro (-5,97%). Já os que registraram maior aumento foram o pimentão verde (+23,54%), a abóbora caboclo (+10%), o tomate longa vida (+9,11%) e o feijão verde (+5,47%).

 

A batata inglesa lidera a queda de preços no setor de Raiz, Bulbo, Rizoma atingindo o percentual de – 20,50%, seguida da cebola pêra (-12,07%) e da cebola roxa (-9,41%). Já a beterraba teve um aumento de +2,35% no seu preço.

 

Dentre os itens da cesta básica, os maiores aumentos registrados foram no preço do feijão de corda (+19,48%), carne suína (+11,62%), feijão carioquinha (+6,89%), carne bovina (+5,45%) e farinha de trigo (+3,48%). E dentre os produtos que tiveram seus preços em queda estão o açúcar cristal (-2,89%), o leite longa vida (-1,36%) e o arroz beneficiado (-1,08%).

 

De acordo com Odálio Girão, analista de mercado da Ceasa-CE, o feijão de corda e carioquinha, este último o mais consumido no Brasil, o aumento nos preços dos produtos deve-se ao período de entressafra. “Como a nova safra só deve chegar dentro de 90 dias, o preço do feijão seguirá elevado,” destaca ele.

 

Ainda segundo Girão, o aumento no preço da carne, tanto a bovina quanto a suína, deve-se aos menores abates para o mercado interno e a grande exportação para a China, um dos maiores compradores da carne brasileira. “Por isso, o mercado local vem recebendo carne em menor escala, provocando o aumento no preço do produto,” destaca ele.

LBV promove ação solidária para arrecadar alimentos e ajudar famílias no estado do Ceará

 

A Legião da Boa Vontade promove, anualmente, a sua tradicional campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!. A iniciativa visa angariar alimentos para compor as cestas que serão entregues a famílias em situação de vulnerabilidade social no estado do Ceará. A campanha vai beneficiar famílias dos municípios de Fortaleza, Juazeiro do Norte, Quixadá, São Gonçalo do Amarante, Pacatuba, Caucaia, Canindé, Caridade e Irauçuba.

 

A ação complementa o trabalho que a LBV realiza ao longo do ano, por meio de serviços e programas socioeducacionais que promovem diariamente o desenvolvimento de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos.

 

Neste ano, a meta é entregar em todo país mais de 40 mil cestas. A LBV conta com a ajuda da população para garantir o alimento na mesa dessas famílias, proporcionando a elas um Natal mais digno, sem fome e feliz. A Solidariedade é o maior presente que essas famílias podem receber, pois, em cada cesta, além do alimento fundamental para o sustento delas, há sorriso, amor e esperança, para que elas se sintam fortalecidas e possam lutar pelos seus direitos.

 

Colabore com a Campanha de Natal da LBV. Em Fortaleza, as doações podem ser entregues na Rua Alziro Zarur, 275, Vila Manoel Sátiro. Telefone (85) 3484-3533. Acesse www.lbv.org. Siga, curta e compartilhe as ações da LBV nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Campanha do Supermercado Pinheiro no Instagram movimenta cidades e doa 100 cestas básicas para instituição de Sobral

Quando o assunto é ajudar ao próximo, os cearenses se engajam e dão exemplo de solidariedade. Em uma “disputa do bem” nas redes sociais do Pinheiro Supermercado, Sobral foi destaque. Isso porque o município, a 230 km de Fortaleza, foi o ganhador da campanha “Desafio dos 100K”. Foram mais de 18 mil curtidas em favor da cidade que garantiram 100 cestas básicas para o Instituto Céu no Sertão que realiza doações para pessoas que vivem no sertão cearense em situação de vulnerabilidade social.

A iniciativa faz parte de um desafio lançado no último dia 5 de julho no perfil do Supermercado Pinheiro no Instagram em comemoração à marca de 100 mil seguidores. Sobral, Quixadá, Limoeiro, Itapipoca, Fortaleza e Aracati, cidades onde a rede tem lojas, disputaram entre si o prêmio beneficente. Pelas regras da campanha, cada município teve uma foto publicada na rede social do Bom Vizinho e a imagem com o maior número de curtidas ganharia 100 cestas básicas para serem doadas a uma instituição carente em atuação na cidade.

De início foram prometidas 100 cestas básicas para a cidade vencedora do desafio, mas com o impacto positivo do engajamento dos seguidores, o Pinheiro resolveu doar 200 cestas, sendo as outras 100 divididas entres os municípios participantes que não ficassem em primeiro lugar em curtidas.

A votação aconteceu entre os dias 5 e 8 de julho e mobilizou mais de 65 mil pessoas. As outras cidades receberão cada uma 20 cestas básicas para as seguintes instituições: Maria Mãe da Vida, em Quixadá; Casa do Idoso, em Limoeiro do Norte; SOPRAFI/ACAFI, em Itapipoca; Sopa do Amor, em Aracati e Casa Sol Nascente, em Fortaleza.

Confira as cidades com suas respectivas curtidas:

CidadesNº de Curtidas
Sobral18.117 mil curtidas
Quixadá15.600 mil curtidas
Limoeiro12.309 mil curtidas
Itapipoca7.577 mil curtidas
Aracati7.282 mil curtidas
Fortaleza4.113 mil curtidas

Caravana dos Sertões: Campanha realiza ações de combate à fome no sertão

 

 

Você já imaginou passar 24 horas sem se alimentar? Pois saiba que essa é uma triste realidade que faz parte da vida de um bilhão de pessoas em todo o planeta. Só que elas não passam somente 24 horas, mas vários dias sem ter acesso à alimentação e a outros direitos básicos.

Infelizmente, esse é um fato cruel e desumano, que mata pessoas de todas as idades em vários países do mundo. Exterminar a pobreza, a desnutrição e a fome deveria ser o objetivo de cada cidadão para que se mude a realidade dos que enfrentam diariamente a escassez de alimentos e a fome. Se cada um se comprometesse em doar um pouco do que tem, não haveria irmãos tão necessitados.

E quando essa necessidade se faz presente no sertão, em localidades onde a seca se faz presente, o compromisso de quem se propõe a doar é muito maior. É com esse pensamento que a equipe de voluntários da Casa da Caridade realiza há 18 anos a Caravana dos Sertões, um projeto social voltado para a entrega de cestas básicas e roupas às famílias carentes do sertão.

Formado por adultos, jovens e crianças, a Caravana dos Sertões é um projeto social assumido em 2010 pela Casa da Caridade. O projeto que antes era chamado de Caravana da Estrada de Canindé e ocorria no período do Natal, passou a se chamar Caravana dos Sertões e é realizado de 2 a 3 vezes no ano com o objetivo de ajudar as famílias carentes do sertão, com a doação de alimentos não perecíveis, brinquedos, garrafões de água mineral, kits de higiene pessoal e lanches.

Devido às condições precárias de moradia, falta de alimentos e ao drama da seca, o projeto social realizado pela Casa da Caridade não vem somente com a missão de entregar donativos, mas de levar aos irmãos necessitados um pouco de paz, amor e esperança. Sertão de Maranguape, Itapipoca, Irauçuba, Canindé, Santa Quitéria, Caridade, Tauá, Parambu, Aiuaba, Russas já foram ajudados com esse projeto de solidariedade.

Se você quer colaborar ou ser um voluntário dessa grande ação de solidariedade, basta entrar em contato pelos números (85) 99609.6151 ou 99838.5707. Nos dias 12, 13 e 14 de Outubro, a Caravana dos Sertões vai visitar 350 famílias no sertão dos Inhamuns. Compre uma cesta básica no valor de R$ 50,00 e assim você adota uma família. Ajude-nos a levar um pouco de esperança ao nosso sertão!

LBV arrecada alimentos para ajudar milhares famílias da Zona Rural do estado do Ceara

 

A Legião da Boa Vontade (LBV) promove ações permanentes em apoio às populações em situação de vulnerabilidade social. Umas das iniciativas é a campanha Diga Sim!/Fiz um gol pela infância brasileira, por meio da qual a LBV mobiliza a sociedade a fazer doações e, mediante os recursos, entrega, neste período do ano, cestas de alimentos para famílias que sofrem com a desigualdade social no estado do Ceará e em várias regiões do País.

A campanha é de caráter emergencial, por isso, nestes meses de julho e agosto a LBV entrega mais de 12 mil cestas no Brasil, sendo mil e cem cestas de alimentos não perecíveis a famílias em situação de pobreza no Ceará. Os beneficiados residem na Zona Rural dos municípios de Irauçuba, Canindé e Juazeiro do Norte, além da capital, Fortaleza. A mobilização social visa contribuir para assistência básica e auxílio de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos.

 

Ação solidária

Em todo o país, a campanha beneficiará com a doação de cestas de alimentos não perecíveis famílias do Acre, de Alagoas, da Bahia, do Ceará, do Espírito Santo, de Goiás, do Maranhão, do Mato Grosso, de Minas Gerais, da Paraíba, de Pernambuco, do Piauí, do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Norte, de Rondônia, de Sergipe e do Tocantins.

Ainda dá tempo de ajudar! Quem quiser colaborar para a campanha pode fazê-lo entrando em contato pelo tel.: 0800 055 50 99 ou pelo site www.lbv.org, ou presencialmente no Centro Comunitário de Assistência Social da LBV, está localizado na rua Alziro Zarur, 275 – Vila Manoel Sátiro, em Fortaleza. Telefone (85) 3484-3533.

Para saber como está ocorrendo a entrega das doações, basta acessar as redes sociais Facebook (LBVBrasil), YouTube (LBVBrasil) e Instagram (@LBVBrasil).