Vendas de vinhos brancos crescem 39% no último ano

Tendo como características principais a cor dourada e o frescor, os vinhos brancos ganham cada vez mais espaço na adega dos consumidores brasileiros. A Distribuidora cearense de bebidas, D’Origem, constatou um aumento de 39% na venda desses rótulos no último ano.
A versatilidade na harmonização, leveza no paladar, refrescância, acidez considerável e a combinação com o clima brasileiro são alguns dos fatores que fazem com que o vinho branco ganhe reconhecimento.
“Vinhos brancos são versáteis por serem opções de consumo com diferentes pratos, sobretudo peixes e frutos do mar, pratos sempre presentes em nossa mesa. Mas eles não harmonizam somente com peixes. Saladas, frios e risotos à base de frutos do mar também são ótimos acompanhamentos. Além disso, devido ao clima tropical, a temperatura presente no Brasil pede a maior parte do ano vinhos mais leves ao palato”, afirma a sommelière e wine hunter da D’Origem, Jardênia Siqueira.
Dicas de rótulos
Os vinhos brancos nacionais, portugueses e chilenos são os campeões de vendas na Distribuidora D’Origem.  Confira os rótulos mais consumidos:
Casal Garcia (português)
Monte Andino (chileno)
Santa Helena (chileno)
Chilano (chileno)
Reguengos branco (português)
Vinea branco (português)
Terra reserva Sauvignon blanc (chileno)
Miolo seleção Chardonnay/Viognier (nacional)
Tabali Sauvignon blanc (chileno)

Você também pode gostar leia