Íris realiza encontro on-line para apresentar experiências de Linguagem Simples no Ceará 

 

O Íris | Laboratório de Inovação e Dados do Governo do Ceará realiza, esta terça (2/3), às 16h, o 1º Encontro da Rede Linguagem Simples Ceará. A ideia é fomentar o movimento que aproxima o governo de cidadãs e cidadãos por meio da linguagem.

Como parte da programação, serão apresentadas as primeiras experiências de aplicação de Linguagem Simples na Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE), no Corpo de Bombeiros Militar (CBMCE), na Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) e no Laboratório de Inovação em Controle (LIC) do Tribunal de Contas do Ceará (TCE).

Isabel Ferreira Lima, coordenadora do Programa Linguagem Simples Ceará, destaca que esse primeiro encontro quer reforçar a conexão entre os participantes da Rede e inspirá-los a usar a Linguagem Simples em suas organizações. “Entendemos como fundamental a adesão de todo o setor público para fazer avançar essa nova cultura de linguagem no Ceará”. Ela reforça ainda que “quanto mais a Linguagem Simples é usada, mais se fortalece a acessibilidade e a transparência nas instituições”.

 

Rede Linguagem Simples Ceará

O encontro é um marco para a Rede, criada em fevereiro de 2020, durante o curso com a especialista em Linguagem Simples, Heloisa Fischer, que formou a primeira turma de multiplicadores da técnica no Governo do Ceará. Agora, a Rede partilha alguns trabalhos em desenvolvimento no Estado e convida mais cearenses para abraçar o movimento.

 

1º Encontro da Rede Linguagem Simples Ceará

terça, 2/3, 16h

Inscrições: bit.ly/encontroredelsceara

 

Mediadora:

Isabel Ferreira Lima, coordenadora do Programa Linguagem Simples Ceará

 

Experiências e convidados:

“Linguagem Simples na Carta de Serviços e na Ouvidoria da CGE”

Caroline Gabriel

Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE)

 

“Experiência nos e-mails sobre a Certificação contra Incêndio e Pânico”

Tenente-coronel Wagner Maia

Corpo de Bombeiros Militar (CBMCE)

 

“Linguagem Simples na atuação dos técnicos que utilizam a ferramenta on-line do chat da SPS para atender o cidadão”

Danyelle Guerra

Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS)

 

“Linguagem Simples no controle da administração pública: comunicação mais clara com os jurisdicionados e com a sociedade”

Paulo Alcântara

Laboratório de Inovação em Controle (LIC) do Tribunal de Contas do Ceará (TCE)

Você também pode gostar leia