Com desafios voltados para a obesidade e o câncer em crianças, primeira edição do Hackathon Saúde Infantil inicia dia 23

 

Para estimular soluções que promovam a prevenção, o diagnóstico e o tratamento de qualidade para crianças e adolescentes que lidam com o câncer e a obesidade, o Instituto Desiderata realizará de 23 a 30 de outubro a primeira edição do Hackathon Saúde Infantil. Totalmente online, o evento está com inscrições abertas e gratuitas até o dia 21, pelo site https://www.hackathonsaudeinfantil.com.br.

Trabalho em equipe, maratonas com trocas de experiência e conhecimento, desafios inspiradores e projetos que unem tecnologia, criatividade e inovação pelo principal objetivo: ajudar a transformar a realidade de milhares de crianças e adolescentes que convivem com o câncer ou a obesidade, e são atendidos pelo sistema público de saúde do Brasil. Durante o evento, os inscritos deverão propor soluções para os dois desafios apresentados pelo Desiderata, um de Oncologia Pediátrica e outro de Obesidade Infantil.  Funciona assim: a partir de problemas já mapeados, os participantes articulam ferramentas que vão produzir mudanças sociais para tornar a vida dessas crianças mais saudável.

As inscrições podem ser individuais ou em grupo, respeitando a capacidade máxima de cinco pessoas por equipe. Durante os dois primeiros dias do evento, acontecerá a formação de times entre os participantes ainda sem grupo.

A live de abertura do Hackathon Saúde Infantil será no dia 23 e, com as equipes definidas, os integrantes poderão idealizar e executar seus projetos nos dias 24 e 25. Depois de apresentados ao júri, os trabalhos passam por análise e avaliação. A divulgação do resultado e a premiação de R$ 15 mil para o 1º lugar de cada categoria serão no dia 30, em uma live para todos os envolvidos.

Fundado há 17 anos, o Desiderata é uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) com uma história inovadora de atuação conjunta com gestores públicos e organizações. O Instituto desenvolve e implementa soluções relacionadas à prevenção, ao diagnóstico e ao cuidado da saúde de crianças e adolescentes.

 

Você também pode gostar leia