Finalista: artista cearense disputa prêmio asiático de ilustração

 

O artista cearense, Juca Máximo, acaba de se tornar finalista de um dos mais importantes prêmios de ilustradores do mundo. Concedido pela Hiiibrand, com sede na Ásia, o concurso recebeu 1329 obras de mais de 50 países e regiões ao redor do mundo, porém, somente 43 trabalhos passaram para a final. Juca Máximo é o único brasileiro a disputar o prêmio com ilustradores da China, Alemanha, Estados Unidos e México.

 

Intitulada “Sem Conexão”, a obra, que passou para a final, é resultado de um misto criativo que envolve arte e publicidade. A peça foi feita para a campanha “Não se irrite, vá tocar”, feita para a 88Music, loja de música de Fortaleza. “A ideia é que no lugar de se estressar com situações cotidianas como ficar “sem conexão” ou “cartão não autorizado”, a pessoa tente relaxar e vá tocar algum instrumento.

 

Você também pode gostar leia