Browsing Tag

Parque do Cocó

ORQUESTRAS NO PARQUE: Sema e Secult trazem uma nova opção cultural, sempre aos domingos, no Parque do Cocó

 

 

A partir deste domingo, 15, o Parque do Cocó trará uma nova opção cultural ao Estado do Ceará, trata-se do Programa “Orquestras no Parque”, uma ação gratuita, para todas as idades, voltada para a difusão e valorização da música instrumental do Ceará, dentro do segmento de Orquestras, como fortalecimento da Rede Estadual de Bandas do Ceará. Resultado de uma parceria interinstitucional do Governo do Ceará, o programa reúne a Secretaria de Meio Ambiente (SEMA), a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e a Casa Civil.
Serão 5 (cinco) apresentações artísticas com orquestras cearenses compostas por crianças, jovens e adultos que, de 15 abril a 10 junho de 2018, sempre aos domingos, de 16h30 às 18h, no anfiteatro do Parque do Coco, apresentarão um repertório plural. Para o lançamento do programa, no dia 15/4, a apresentação ficará a cargo da Orquestra Bachiana Jovem Tapera das Artes, Aquiraz, Ceará. No dia 29/4, será a vez do público conferir a Orquestra de Sopros de Pindoretama. No mês de maio, Orós trará à Fortaleza as Orquestras Infantil e Juvenil, dia 13/5 e, Fortaleza virá representada pela Orquestra de Sopros do Piamarta, no dia 27/5.
Encerrando a primeira temporada do Programa Orquestras no Parque, no dia 10/6, quem realizará apresentação no Parque do Cocó será a Orquestra Jacques Klein. No Estado, são contabilizadas 16 (dezesseis) orquestras de música em atividade, as quais integram o Sistema Estadual de Bandas de Música do Ceará (SEBAM), instituído conforme a Lei 13.605/2005, que prevê as unidades de bandas de música, como equipamentos culturais colocados a serviço da sociedade para a pesquisa, produção e difusão cultural, com ênfase na música instrumental, geridas por instituições com ou sem fins econômicos, ou de interesse público.
Neste sentido, o Programa Orquestras no Parque vem promover, difundir e valorizar a música instrumental do Ceará, dentro do segmento de Orquestras. Busca também contribuir para a formação de plateia em música instrumental, além estimular o uso de espaços verdes da cidade como opção de lazer cultural e ambiental.
► Confira a programação:

De 15/4 a 10/6
sempre aos domingos, de 16h30 às 18h
Local: Anfiteatro do Parque do Cocó

15/abril
Orquestra Bachiana Jovem Tapera das Artes, Aquiraz, Ceará

29/abril
Orquestra de Sopros de Pindoretama, Pindoretama, Ceará

13/maio
Orquestra Infantil e Orquestra Juvenil, Orós Ceará

27/maio
Orquestra de Sopros do Piamarta, Fortaleza, Ceará

10/junho
Orquestra Jacques Klein, Fortaleza, Ceará

:: SERVIÇO:

ORQUESTRAS NO PARQUE: Sema e Secult trazem uma nova opção cultural, sempre aos domingos, no Parque do Cocó
Lançamento do Programa
Dia 15/4, às 16h30, no Anfiteatro do Parque do Cocó
Gratuito

Verde do Parque do Cocó dá espaço para o Rosa e o Azul com o lançamento das campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul

 

 

 

Com o objetivo de conciliar prevenção e saúde com um lugar apaixonante e cheio de vida, o Instituto do Câncer do Ceará (ICC) escolheu o Parque Ecológico do Cocó para oficialmente dar início às suas campanhas de conscientização sobre o câncer de mama e de próstata, que pela primeira vez estão unificadas, conciliando assim a importância da saúde, tanto da mulher quanto do homem. O ‘Cocó Rosa & Azul: juntos por mais saúde!’, marcado para este domingo (1°), a partir das 8 horas, promete misturar o verde e a natureza do lugar com o rosa e azul, cores tradicionais de ambas as campanhas.

 

Uma manhã inteira de informação e lazer

A programação terá seu início com um bate-papo com o mastologista do ICC, Antônio de Pádua Almeida Carneiro, que tratará do tema ‘Câncer de Mama, Prevenção, Diagnóstico Precoce e Saúde da Mulher’. Logo depois, outros Bate-papos com especialistas da instituição terão sequência. Além disso, profissionais convidados pelo Instituto discutirão temas sobre autoestima, qualidade de vida, atividade física e alimentação saudável. Dentre as convidadas, a médica ortomolecular e funcional Dra. Maryna Landim, que abordará sobre a saúde preventiva e como podemos nos preparar da melhor forma para a terceira idade.

Além de uma tenda preparada para expor e vender as novas t-shirts da campanha de modelos dryfit e com proteção UV, o ICC também disponibilizará aos participantes momentos de “Tira-dúvidas” com seus especialistas. Os profissionais de Mastologia, Nutrição, Fisioterapia, Psicologia, Enfermagem, Serviço Social e Farmácia estarão à disposição do público para tirar dúvidas específicas de suas áreas, dar dicas de saúde, além da realização de ações especialmente voltadas para o público infantil, como o “Jogo da Saúde”. Para o final da manhã, um momento de descontração e muita alegria com o bloco Unidos da Cachorra, que promete animar as milhares de pessoas esperadas.

Além de toda a programação do ‘Cocó Rosa & Azul: juntos por mais saúde!’, o evento se unirá às atividades oficiais do próprio parque que abrange aulas de zumba, yoga, biodança, capoeira, aeróbica, dança de salão e tai chi chuan, além de recreação infantil, contação de história, oficina de brinquedos recicláveis, gincanas e camas elásticas.

Segundo Vanessa Benigno, gerente de Marketing do ICC, o Cocó foi escolhido por ser um local que une famílias e atividades saudáveis. “A proposta para este ano é unir o Outubro Rosa e o Novembro Azul por uma só causa: a da saúde. O cuidado com o nosso bem-estar deve acontecer sempre, pois tanto o homem como a mulher precisam unir-se pela prevenção, diagnóstico precoce e o combate ao câncer de mama e de próstata. Escolhemos o Parque do Cocó porque poderemos levar essa mensagem para as inúmeras famílias que curtirão tanto a proposta da campanha quanto o local”, explica.

 

Campanha continua durante outubro e novembro com atividades no ICC

A campanha unificada de conscientização sobre o câncer de mama e de próstata no Instituto do Câncer do Ceará envolverá ações com pacientes e acompanhantes durante os meses de outubro e novembro. Ações internas, como dicas de maquiagem, atividades que elevam a autoestima de pacientes, banco de perucas, coral e oficinas de lenço, dentre outras, estão programadas durante o período de conscientização.

 

Dados do câncer de mama e próstata

O Câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, respondendo por 28% dos novos casos a cada ano. É o segundo tipo mais frequente no mundo, depois do de pele não melanoma O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença. Se diagnosticado e tratado oportunamente, o prognóstico é relativamente bom.

Já o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos é o quarto tipo mais comum e o segundo mais incidente entre os homens. Se diagnosticado e tratado oportunamente, o prognóstico é relativamente bom.

No Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama e próstata continuam elevadas, muito provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estádios avançados.

 

Câncer de Mama – Estimativa 2017 (Instituto Nacional de Câncer – INCA)

  • 57.960 novos casos no Brasil
  • 4.050 no Nordeste
  • 2.160 no Ceará
  • 860 em Fortaleza

Câncer de Próstata – Estimativa 2017 (Instituto Nacional de Câncer – INCA)

  • 61.200 novos casos no Brasil
  • 14.290 Nordeste
  • 2.550 no Ceará
  • 590 em Fortaleza

 

Centro de excelência em oncologia com atuação integral e multidisciplinar

Reunindo ensino, pesquisa e assistência, o Instituto do Câncer do Ceará (ICC) é um moderno centro de excelência para o tratamento integral do câncer, onde o paciente encontra uma rede de cuidados que abrange a Oncologia Clínica, a Cirurgia, a Radioterapia e a Quimioterapia, juntamente com serviços diagnósticos como Patologia, Biologia Molecular e Análises Clínicas, Radiologia e Diagnóstico por Imagem. Atualmente, o ICC conta com uma equipe de 150 médicos e 33 residentes, que fazem, junto com os colaboradores das diversas áreas, 24.000 atendimentos mensais.

A instituição é formada pelo Hospital Haroldo Juaçaba (HHJ), a Escola Cearense de Oncologia (ECO), o Centro Oncológico SãoMateus – ICC, o ICC BioLabs, – HUB de inovação tecnológico voltado para a área da saúde -, e a Casa Vida, que abriga pacientes vindos de outras cidades para realizar tratamento. No Hospital Haroldo Juaçaba, a assistência vai desde os exames preventivos e diagnósticos até os Cuidados Continuados, passando por terapêuticas individualizadas, com o apoio da mais avançada tecnologia.

Numa busca incessante pelo aprimoramento, as equipes multiprofissionais, enxergam o paciente em toda a sua complexidade, abordando, em cada caso, as dimensões físicas, sociais, emocionais e psicológicas. Isso significa que, ao entrar no ICC, o paciente é conectado a uma cadeia de médicos, enfermeiras, nutricionistas, assistentes sociais, fonoaudiólogas, psicólogos e fisioterapeutas – profissionais que o acompanham ao longo do tratamento, todo este feito em um só lugar.

 

ICC em números

Considerado um Centro de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (CACON), o Hospital Haroldo Juaçaba fechou o ano de 2016 com um total de 172.410 consultas realizadas, ou 14.368 consultas/mês. Foram 48.912 exames de imagem, sendo 4.076/mês, e 6.677 cirurgias/ano, com média mensal de 599, bem acima do ano anterior. Na Radioterapia, um total de 73.647 pacientes foram tratados, somando 6.137 sessões/mês. Para se ter uma ideia da cobertura oferecida ao longo dos 12 meses, o HHJ realizou 32.925 quimioterapias/ano, sendo 25.127 em benefício dos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), que perfazem 70% do público do ICC, uma instituição privada sem fins lucrativos, cuja missão é garantir o acesso ao que há de mais moderno, eficaz e seguro na área oncológica.

Mel Mattos se apresenta no Ecléticos Livre Festival, domingo (27)

 

 

 

Gravado no foyer do luxuoso Theatro José de Alencar, no clipe do  single “Disfarçando a dois” do álbum Démodé?!, a cantora Mel Mattos traz todo o requinte de uma composição assinada por Kleber Pereira, contando a história de um romance que tenta superar os obstáculos do cotidiano.

A atuação da cantora mostra o drama de uma diva da música na Era de Ouro do Rádio que, mesmo com seu status, não estava livre da ilusão de um relacionamento sufocado pelos conflitos, mas que ainda não perdera a esperança de ser mágico como todo começo, parafraseando a própria letra da música, que “propõe fantasias”. Por isso, na tentativa de superar o caos do dia a dia, a personagem coloca em cheque a atitude disfarçar a dois, para salvar um grande amor.

Apresentado elementos em cena que vão desde o figurino da cantora até a banda que lhe acompanha, incluído o charme do baixo acústico, as imagens foram captadas em P&B com uma textura que nos leva à década de 40.

O clipe tem direção, roteiro e produção de Dado Fernandes e já está disponível em todas as plataformas digitais como Spotfy, Deezer,  iTunes e Youtube.

 

Mais:

Dentro da proposta do título do álbum (“Démodé?!”), a cantora Mel Mattos aborda nos clipes dos singles a temporalidade, sempre trazendo referências de época, a exemplo de “Pensando Só” que se passa na década de 60.

O clipe ganhou repercussão nacional em um dos maiores canais especializados em indústria musical, o Billboard Brasil, também conhecido como “A Bíblia da Música”.

 

  II Ecléticos Livre Festival

Mel Mattos sobe ao palco do II Ecléticos Livre Festival no dia 27 (domingo), cantando as músicas do álbum Démodé?!. A cantora também convida Daniel Groove (CE), cantor e compositor que teve seu álbum Giramundo eleito o melhor de MPB no Prêmio Dynamite 2014. As Canções e as referências de Groove, assim como as de Mel Mattos, são um mosaico de várias vertentes da música brasileira e passeia pelo rock, pelo brega e pela MPB.  Esse encontro musical será também uma maneira de reverenciar a nova MPB ‘made in ceara’.   

 

Sobre o Ecléticos Livre Festival:

A segunda edição do Projeto Ecléticos Livre Festival vai acontecer nos dias 26 e 27/08 (sábado e domingo), de 15h às 21h, no Parque do Cocó, em Fortaleza. O evento plural e eclético, como o nome mesmo sugere, conta com a parceria da Enel, apoio institucional da  Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Ceará, apoio da Cagace, coprodução da lluca Design de Ideias, realização da WM Cultural e apoio cultural do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria de Cultura. Com acesso gratuito, o festival tem como temática este ano a “Música, Criatividade e Cultura Digital”, apresentando estéticas musicais para os mais variados gostos.

O “Ecléticos” tem como proposta, a renovação e  ressignificação da relação com o espaço urbano, com a cidadania, com a formação de novas plateias e com a valorização da cultura cearense, tendo como diferencial o diálogo com temas transversais como meio ambiente, ações de consciência ambiental e atividades voltadas à sustentabilidade, acessibilidade e mobilidade urbana.

O Projeto Ecléticos Livre Festival já conquistou seu público cativo. Prova disso é o expressivo número de oito mil participantes da primeira edição e a adesão e empatia da população e da mídia local. Segundo o organizador, William Mendonça,o festival tem

como objetivo consolidar, na medida em que dá início à integração desses vários equipamentos culturais e sociais, a criação e ocupação de forma plural e eclética. “A meta é trabalhar a acessibilidade, mobilidade e sustentabilidade na cidade, atraindo público para reflexão e para a atitude de  responsabilidade social, tendo como  proposta um  grande encontro de artistas e plateias de diferentes estéticas da música brasileira”, declara.

 

  Serviço:

II Ecléticos Livre Festival – Música l Criatividade l Cultura Digital

Quando: 26 e 27 de agosto de 2017

Local: Parque do Cocó

Horário: 17h às 21h

 

Cine Ceará realiza concurso para produção de filmes com celular no Parque do Cocó

 

​ 

 

 

As inscrições para a mostra “Curta Cocó” estão abertas até o dia 02 de agosto. Um concurso promovido pelo 27º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Ceará, a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará e a Oi, em que os participantes terão que produzir um filme com imagens captadas por aparelho celular.

O curta-metragem deverá te como cenário, o quarto maior parque urbano da América Latina e do Brasil, o Parque do Cocó. Os inscritos deverão produzir um filme com o tema “Parque do Cocó: o parque da cidade”, com no mínimo 80% das cenas captadas por um aparelho celular, com classificação livre e não poderá ser exibido na internet antes da inscrição no festival, entre outras condições que estão no regulamento.

Os filmes inscritos serão avaliados por comissão julgadora que utilizará como critério a capacidade de aproveitamento dos recursos da mídia proposta com singularidade, inovação, criatividade e peculiaridade pelo tema proposto.

Os cinco curtas selecionados serão exibidos durante o festival, na programação noturna entre os dias 06 e 10 de agosto, às 19h30, no Cineteatro São Luiz. O melhor curta-metragem será exibido na Cerimônia de Encerramento do 27º Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema e receberá um prêmio no valor de R$ 3.000,00 (três mil reais).

A Mostra “Curta Cocó” tem como objetivo utilizar meios tecnológicos para produção de curtas-metragens através de aparelhos celulares, de curta duração, para assim estimular a criatividade mesclada com a tecnologia.

 

 

INSCRIÇÃO

Os participantes poderão efetuar a inscrição de forma gratuita até o dia 02 de agosto, através dos sites www.cineceara.com e www.sema.ce.gov.br onde estão disponíveis o regulamento e o formulário solicitando os dados do participante ou grupo, sinopse do filme, especificações do celular utilizado e o filme finalizado.

 

O 27° Cine Ceará é uma promoção da Universidade Federal do Ceará (UFC), através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura, da Prefeitura Municipal de Fortaleza, via Secultfor, e do Ministério da Cultura, através da Secretaria do Audiovisual. A realização é da Associação Cultural Cine Ceará e Bucanero Filmes e conta com patrocínio da SP Combustíveis e M. Dias Branco, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), e da Enel e da Oi, por meio do Mecenato Estadual do Ceará. Além disso, conta ainda com Apoio Cultural do Oi Futuro e Indaiá.

 

SERVIÇO

Mostra Curta Cocó  

Inscrição gratuita

Data: até o dia 02 de agosto

sites: www.cineceara.com e www.sema.ce.gov.br.

Informações: (85)3055-3465.