Browsing Tag

Empresas

LIDE Ceará recebe Viviane Senna em evento sobre os desafios da educação no Brasil

 

 

Em seu último evento de 2018, o LIDE Ceará debate um tema fundamental para o futuro do país: a educação. Para discutir o tema, a entidade traz Viviane Senna, presidente do Instituto Ayrton Senna, a Fortaleza. A convidada vem desenvolvendo, há mais de 23 anos, trabalhos para que crianças e jovens de todas as regiões do Brasil tenham a oportunidade de desenvolver plenamente seus potenciais, algo que só é possível por meio de um ensino de qualidade. A palestra de Viviane Senna acontece no próximo dia 18 de dezembro (terça), às 08 horas, no Hotel Gran Marquise, e é exclusivo para filiados e convidados da entidade. O evento tem o patrocínio do Grupo Edson Queiroz e Grupo Dias Branco, além de apoio dos Grupos Pague Menos e 3 Corações.

“Um dos pilares para se pensar no desenvolvimento é a educação. Por isso, convidamos Viviane Senna a partilhar sua experiência conosco e apontar os pontos que considera fundamentais nessa área. O Ceará vem obtendo resultados expressivos nessa área, mas ainda há muito para avançar. Por isso, consideramos importante o debate com Viviane sobre a temática”, destaca Emília Buarque, presidente do LIDE Ceará.

 

Sobre o LIDE Ceará

O LIDE CEARÁ é um grupo de líderes empresariais multisetorial, independente, apartidário, com alta conectividade e com foco no desenvolvimento socioeconômico. O objetivo do grupo é ampliar o ambiente de negócios e as oportunidades, conectando e dando projeção para as empresas, debatendo temas diversos, influenciando e defendendo posicionamentos. O LIDE CEARÁ tem agenda mensal, de fevereiro a novembro, com conteúdo de altíssimo nível e acesso aos principais expoentes do país no campo empresarial e no poder público.

O LIDE nas unidades internacionais (China, Itália, Alemanha, Portugal, EUA, Argentina, Paraguai, dentre outras), representa um ambiente seguro para negócios e desenvolvimento, especialmente entre o mundo e a forte presença do grupo na América Latina, com destaque para o Brasil. A organização está presente nos cinco continentes.

 
Sobre o Instituto Ayrton Senna
Há mais de 20 anos, o Instituto Ayrton Senna contribui para ampliar as oportunidades de crianças e jovens por meio da educação. Nossa missão é desenvolver o ser humano por inteiro, preparando para a vida no século 21 em todas as suas dimensões. Impulsionados pela vontade do tricampeão de Fórmula 1 Ayrton Senna de construir um Brasil melhor, atuamos em parceria com gestores públicos, educadores, pesquisadores e outras organizações para construir políticas e práticas educacionais baseadas em evidências. Estamos em permanente processo de inovação, continuamente investigando novos conhecimentos para responder aos desafios de um mundo em constante transformação.

Partindo dos principais desafios da educação identificados por gestores e educadores com quem trabalhamos no dia a dia, produzimos, sistematizamos e validamos conhecimentos críticos para o avanço da qualidade da educação, em um trabalho conjunto com as redes públicas de ensino. Todo o conhecimento produzido é compartilhado com mais atores por meio de iniciativas de formação, difusão, cooperação técnica e transferência de tecnologia.
Nossas ações são financiadas por doações, recursos de licenciamento e por parcerias com a iniciativa privada. Considerando iniciativas voltadas para o Ensino Fundamental e o Ensino Médio, estamos em 16 Estados e aproximadamente 600 municípios, apoiamos a formação de cerca de 45 mil profissionais por ano e beneficiamos a educação de mais de 1,5 milhão de alunos anualmente: www.institutoayrtonsenna.org.br

 

Sobre Viviane Senna

A empresária Viviane Senna Lalli, irmã do piloto tricampeão mundial Ayrton Senna, fundou com sua família, em novembro de 1994, ano do acidente em Ímola, que tirou a vida do piloto, o Instituto Ayrton Senna, assumindo a presidência da organização. Graduada em psicologia pela Pontifícia Universidade Católica em São Paulo, com especialização em Psicologia Junguiana pelo Instituto Sede Sapientiaes da Universidade Católica, Viviane atuou na área de Psicologia Clínica como psicoterapeuta de adultos e crianças e também como supervisora de grupos de formação e aperfeiçoamento de terapeutas.

É a única brasileira membro do grupo Amigos Adultos do Prêmio das Crianças do Mundo ao lado da Rainha Silvia da Suécia, Nelson Mandela, ex-presidente da África do Sul, José Ramos Horta, Prêmio Nobel da Paz, dentre outros. Ela também foi nomeada um dos Líderes para o Novo Milênio (CNN/Revista Time). Em 2012, Viviane Senna recebeu o Prêmio BNP Paribas em Paris, eleita, por unanimidade, por um júri de personalidades mundiais, coordenado por Amartya Sen, Prêmio Nobel de Economia.

Atualmente, Viviane é membro do Conselho do Desenvolvimento Econômico e Social (CDES); Conselhos Consultivos da Febraban; Conselho de Educação da CNI e FIESP; Comitê de orientação e investimentos sociais do banco Itaú; Energias do Brasil (EDP), ADVB, World Trade Center (WTC) e Todos pela Educação.

 

Serviço:

Café-debate com Viviane Senna

Dia: 18 de dezembro (terça-feira)

Horário: 08 horas

Local: Hotel Gran Marquise

Evento exclusivo para convidados

Inova 2019: Guia de Tecnologia do Ceará será lançado nesta quinta

 

O Inova 2019: Guia de Tecnologia do Ceará será lançado, nesta quinta-feira, 13, no Hotel Gran Marquise, às 19h, em evento para convidados. Realizado pelo Grupo de Comunicação O POVO, o livro bilíngue é editado pelas jornalistas Neila Fontenele e Isabel Costa.

Na ocasião, a obra será distribuída para os presentes e haverá palestra do vice-presidente da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), Jorge Luis Audy e do sócio-fundador da Agenda Edu, Pietro Occiuzzi.

A obra é um panorama fiel das principais instituições e ações desenvolvidas no Estado do Ceará, e estará disponível nas versões impressa e virtual, no dia 13 de dezembro. A partir dele, será possível rastrear quais os projetos mais promissores e as pesquisas mais recentes realizadas no Estado. O link para acessar a versão digital é especiais.opovo.com.br/inova.

O Ceará é responsável por iniciativas como o programa para prever o risco de desenvolvimento de doenças do coração a partir de dados clínicos e históricos dos pacientes; o cálculo para saber quais os riscos de óbito infantil e materno considerando fatores clínicos e sociais das pessoas envolvidas; e o sistema de diagnóstico de computadores que utiliza informações de falhas do passado para aprender os padrões de comportamento e identificar falhas em outros computadores.

Além disso, as empresas cearenses têm investido em pesquisas próprias e no intercâmbio com as instituições estrangeiras mais aguçadas em desenvolvimento. Somado a isso, o Ceará tem universidades – públicas e particulares – que incrementam, financiam e dão visibilidade para pesquisas realizadas por seus professores e alunos.

Empresas de transportes de passageiros são destaque no Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar

 

Cinco empresas do setor de transportes de passageiros do Estado foram agraciadas com o Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar no Ceará em 2018, em cerimônia realizada na última sexta-feira (9/11), o que demonstra as boas práticas do cotidiano das organizações. O setor vem se destacando ao longo dos nove anos em que a premiação acontece no Estado, promovida pelo Instituto Great Place to Work (GPTW), com conquistas que medem diversos aspectos do ambiente organizacional, dentre eles a confiança do colaborador.

Todas as empresas de transportes de passageiros já haviam sido premiadas também em edições anteriores: Via Urbana (seis vezes) e Vega S/A Transporte Urbano (quatro vezes) foram destaque na categoria grande empresa, em 2° e 4° lugar, respectivamente; já Viação Princesa (duas vezes) e Transportes Urbanos Aliança (seis vezes) foram agraciadas na categoria média empresa.

No total, 50 organizações foram eleitas, entre as categorias pequena (de 30 a 99 colaboradores), média (entre 100 e 999) e grande (a partir de mil colaboradores). Para a qualificação no ranking, passaram por certificação com índice mínimo de 70% de confiança dos colaboradores que integram a organização.

“O destaque anual das empresas do setor no Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar não é por acaso. Existe um movimento consciente em todos esses espaços a fim de manter ambientes de trabalho saudáveis e sustentáveis aos trabalhadores, impactando diretamente no cotidiano e na qualidade de todo o setor”, comemora Amanda Machado, superintendente da Federação de Transportes de Passageiros do Ceará, Piauí e Maranhão (FETRANS) e membro do Criarth.

INEC é agraciado pela sexta vez com Prêmio Melhores empresas para se trabalhar do GPTW

 

 

 

O Instituto Nordeste Cidadania (Inec) foi agraciado, na tarde desta sexta-feira (09), com o Prêmio Melhores Empresas Para se Trabalhar no Ceará em 2018. O evento é uma realização do Instituto Great Place to Work (GPTW), que há 22 anos certifica e reconhece as empresas com melhores ambientes de trabalho no Brasil. As empresas concorreram nas categorias pequena (de 30 a 99 colaboradores), média (entre 100 e 999) e grande (a partir de mil colaboradores).

Das 114 empresas inscritas no Ceará, 50 foram eleitas por apresentarem as melhores práticas no ambiente de trabalho nesta 9ª edição da premiação. Este ano, para a qualificação no ranking, as empresas tiveram que passar por certificação, com índice mínimo de 70% de confiança. Nas listas GPTW, o Ceará está abaixo da média nacional (7%) de rotatividade voluntária, com taxa de 4%. Ou seja, aqui há maior desejo de permanecer no local de trabalho do que no restante das empresas concorrentes no Brasil.

 

Histórico na premiação

Esta é a sexta vez que o Inec recebe a premiação. Em 2010, o Inec ficou em terceiro lugar, sendo também reconhecido como primeira ONG a participar de premiações de nível nacional, como Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil pelas revistas Época e Você S/A. Em 2011, o Instituto ficou em quinto no ranking.

 

Em 2012, esteve entre as 40 Melhores Empresas para se Trabalhar no Ceará. Em 2016, a premiação foi dividida em duas categorias: Médias Empresas (de 50 a 999 colaboradores) e Grandes Empresas (acima de 1000 colaboradores), estando o Inec entre as premiadas pela categoria Grandes Empresas. Em 2017, entre as 50 empresas reconhecidas por boas práticas de gestão de pessoas no Ceará, o Inec foi eleito a 6ª melhor.

 

Sobre o Inec

O Instituto Nordeste Cidadania (Inec), Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) criada em 1993, tem como missão contribuir com a inclusão e o desenvolvimento sociocultural e econômico das pessoas. Para atingir este objetivo, a instituição é parceira do Banco do Nordeste na operacionalização dos programas Crediamigo e Agroamigo, além de desenvolver projetos socioambientais nos eixos Educação e Cultura e Desenvolvimento Comunitário..

Melhores Empresas Para Trabalhar 2018 serão reveladas nesta sexta-feira (9), em cerimônia no Centro de Eventos

 

 

O Instituto Great Place to Work (GPTW) e O POVO anunciam nesta sexta-feira ( 9), ao meio dia, em cerimônia no Centro de Eventos do Ceará, as 50 melhores empresas para trabalhar no Ceará em 2018.

O prêmio, no Estado, está em sua 9ª edição e será dividido nas categorias: pequenas (de 30 a 99 colaboradores), médias (entre 100 e 999) e grandes empresas (a partir de mil colaboradores). Em cada categoria estarão no topo as três primeiras colocadas, a partir do 4º lugar será por ordem alfabética. Ao todo, são premiadas 10 empresas de grande porte, 30 de médio e 10 de pequeno porte.

Na ocasião, também será lançada a revista Melhores Empresas para Trabalhar no Ceará, produzida pelo LAB 282, responsável pelos projetos customizados do Grupo de Comunicação O POVO. A publicação contém os perfis das 50 melhores empresas premiadas no evento. Entre os critérios de escolha das empresas estão a credibilidade, o respeito e o ambiente de trabalho. Os valores são mensurados com avaliação das práticas de gestão e por meio da percepção que os funcionários têm sobre o seu local de trabalho.

A pesquisa do GPTW é aplicada em mais de 50 países no mundo todo e nos seis continentes. São publicados anualmente mais de 40 rankings, premiando as melhores empresas em âmbito nacional, regional e setorial. O Ceará foi o primeiro do Norte e Nordeste a aderir, em parceria com O POVO.

Como o resultado é obtido – Para conseguir a certificação, a empresa precisa atingir uma nota igual ou superior a 70 na pesquisa com os funcionários. A organização concorrerá aos rankings com a pesquisa realizada para a certificação. A partir da data em que for certificada, ela terá 30 dias para entregar os documentos complementares para os rankings: relatório de práticas culturais, perfil organizacional e questionários complementares (se necessário). A posição nos rankings será calculada de acordo com a pesquisa com os funcionários, a avaliação de práticas culturais, questionários complementares e os comentários dos funcionários.

 

 

Serviço
Entrega do Prêmio Melhores Empresas Para Trabalhar no Ceará 2018
Data: sexta-feira, 9 de novembro, às 12h
Local: Centro de Eventos do Ceará (Av. Washington Soares, 999 – Edson Queiroz)
Evento para convidados

www.gptw.com.br

Grupo DCDN entrega geradores de energia para o VLT de Fortaleza

 

O Grupo DCDN é a empresa responsável por fornecer todos os geradores de energia para o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Ceará. Os VLTs são compostos por três e quatro carros, e os aparelhos são instalados nos transportes do meio, para que a distribuição seja feita aos demais.

Os geradores fornecidos são do modelo C100 D6, de potência 100KW, e geram energia necessária para o funcionamento dos ar condicionados e iluminação interna.

A contratação da DCDN foi realizada pela Bom Sinal, empresa brasileira, com fábrica no Ceará, e a parceria teve início em 2008. Os equipamentos estão em pleno funcionamento, nas linhas que encontram-se em operação e estão distribuídos em oito estações. O projeto final prevê 13,4 quilômetros (1,4km elevado) de extensão com 10 estações. A previsão de demanda potencial do serviço é de 90 mil passageiros por dia.

A DCDN tem uma forte presença no mercado de energia e tem trabalhando na prestação de serviços, consultoria e no fornecimento de peças, aos 92 grupos geradores aplicados nos VLTs em várias cidades do Nordeste. “Neste 10 anos de parceria, nos consolidamos no segmento de geradores aplicados nos carros de passageiros. Atuamos nas cidades de Fortaleza, Recife, Maceió, Natal, João Pessoa e Teresina”, comemora.

 

Sobre o Grupo DCDN

Companhia com forte penetração nos mercados de energia elétrica, marítimo, agrícola, construção e automotivo. Com 35 anos de mercado, a empresa genuinamente cearense iniciou suas atividades como distribuidora exclusiva de motores e grupos geradores Cummins. O grupo também fornece empilhadeiras Hyster dos mais variados portes, além de tratores de esteiras, escavadeiras e carregadeiras Komatsu, para empresas de todos os segmentos de mercado.

4vants é a startup vencedora do EDP Starter Brasil 2018

 

A 4vants, de Curitiba, foi eleita a grande vencedora da segunda edição do EDP Starter Brasil, iniciativa da EDP em parceria com a TroposLab Aceleradora. A última etapa do programa, chamada de Demoday, foi realizada ontem (20) e reuniu as seis startups finalistas no Cubo, espaço de fomento ao empreendedorismo, em São Paulo. Miguel Setas, presidente da EDP fez a abertura do evento, falando sobre as principais tendências que têm transformado o setor elétrico, além dos desafios para o futuro.

Os projetos selecionados para a final propõem soluções de inovação envolvendo diferentes tecnologias, tais como inteligência artificial, gestão automatizada de serviços de campo, big data e analytics, serviços financeiros por meio de novos meios de pagamento, plataformas de educação inteligente e armazenamento de energia com baterias.

No Ceará, a EDP é responsável pela UTE Pecém I, sediada no município de São Gonçalo do Amarante. Em operação desde 2012, a Usina gera 370 empregos diretos e 1.053 empregos indiretos. A atividade da termelétrica foi responsável pela transformação do Ceará de estado importador em exportador da energia elétrica.

Durante o evento, as startups tiveram oportunidade de apresentar suas iniciativas a um corpo de jurados formado por executivos da EDP, investidores de mercado e parceiros de negócios, que elegeram a empresa de Curitiba como vencedora. A 4vants será premiada pela EDP para uma Missão na China, em parceria com a StartSe, um dos maiores ecossistemas de empreendedorismo do Brasil. A startup passará uma semana no país asiático em uma imersão focada em inovação.

Além disso, a equipe vencedora acompanhará a EDP ao WebSummit, um dos maiores eventos de tecnologia do mundo, que ocorre em novembro, em Lisboa. No local, os empreendedores terão acesso a um “alpha stand”, um espaço onde poderão demonstrar suas soluções, garantindo assim uma maior visibilidade para suas inciativas e o estímulo de novos negócios. Como se não bastasse, a 4vants também poderá ser avaliada para receber investimentos da EDP Ventures Brasil, primeiro instrumento de capital de risco do setor elétrico brasileiro.

A solução apresentada pela startup vencedora se baseia no uso de drones para a automação do processo de inspeção das redes de distribuição e transmissão de eletricidade e recorre à inteligência artificial como ferramenta para análise das imagens e das anomalias detectadas. O projeto da 4vants aumenta a velocidade de inspeção, otimiza a gestão da manutenção, evita riscos a humanos e reduz custos. Para Michel Sehn, CEO da 4avants, “o apoio técnico do EDP Starter foi fundamental durante a mentoria. Com isso, conseguimos identificar oportunidades de melhorias no nosso projeto e chegar à proposta de valor que conquistou o prêmio hoje. Nossos próximos passos serão efetivar a solução, fechar o contrato com a EDP e escalar o projeto internacionalmente”.

A Dom Rock, startup cuja solução usa analytics e inteligência artificial para extrair, a partir de dados não estruturados, informações úteis para o negócio, ficou com o segundo lugar no Demoday. A empresa também garantiu ingressos para o WebSummit, com a oportunidade de fazer conexões no mercado europeu.

“Acreditamos no conceito de Inovação Aberta e esta iniciativa de apoio ao empreendedorismo é um exemplo de como a EDP atua, prospectando novas ideias e soluções para o desenvolvimento de projetos que possam contribuir para a construção do futuro do setor de energia. Daí a importância desse evento”, afirma Livia Brando, gestora executiva de Inovação da Empresa.

 

Saiba mais sobre as startups vencedoras
1º lugar

4vants: Plataforma de inteligência artificial para análise de imagens.
Vertente: Inovação digital
Site: https://www.4vants.com.br
Perfil: Plataforma de inteligência artificial aplicada ao tratamento de imagens capturadas por drones ou sensores ópticos para dar suporte à identificação de falhas/anomalias, inventário e acompanhamento de obras de forma automática.

2º lugar

Dom Rock: Plataforma com foco em big data e analytics.
Vertente: Soluções com foco no cliente
Site: https://domrock.ai
Perfil: A Dom Rock tem uma solução de captura de dados não estruturados e voz (pdf, Excel, aúdio etc.) com preparação e aplicação de algoritmos para uso de Analytics e Machine Learning.

As demais startups participantes, finalistas do EDP Starter foram:

Btime – btime.io

Ewally – ewally.com.br

MGov – mgovbrasil.com.br

Sami Energia – samienergia.com.br

 

Sobre a EDP

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia, e possui 15 unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, adquiriu participação na CELESC, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 12 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. Possui valor de mercado de cerca R$ 9 bilhões, três vezes mais do que em 2005, quando abriu seu capital em bolsa.

 

Sobre a TroposLab

A TroposLab é uma aceleradora de negócios, projetos e pessoas especializada no desenvolvimento de startups tecnológicas e na cultura de inovação de grandes empresas. Já realizou mais de 38 programas de aceleração chegando a 560 startups em seu portfólio, além dos programas de aceleração corporativa. A metodologia Escala Startups, desenvolvida pela TroposLab, é validada nos principais setores e tipos de tecnologia e em todas as regiões do País. A empresa faz parte do Grupo Instituto Inovação, mais tradicional gerador de novos negócios e metodologias de inovação do Brasil. Juntos, vem desenvolvendo o ecossistema de inovação nacional desde 2002.

O Compliance no foco das empresas

O compliance empresarial tem ganhando mais maturidade e importância nas empresas brasileiras, não só pelas mudanças regulatórias com a Lei Anticorrupção (nº 12.846/2013) e pela pressão dos acionistas e stakeholders, mas, principalmente, pela repercussão de casos de corrupção dos últimos anos. Prova disso são os dados apontados pela Pesquisa Maturidade do Compliance no Brasil, realizada pela consultoria KPMG.

 

O estudo demostra que em dois anos diminuíram os números de empresas que disseram não ter a função de compliance em sua estrutura, ou seja, de 19% em 2015 para 9% em 2017. Atualmente 59% dos empresários que participaram da pesquisa afirmaram que a governança e a cultura do compliance são essenciais para o sucesso da estratégia de seu negócio.

 

Todos esses fatores fizeram com que os executivos passassem a enxergar como um investimento e não como um custo. Entre essas empresas que acreditam no compliance está a MRV Engenharia, maior construtora da América Latina. Completando um ano da implantação de seu Programa de Integridade, composto por pilares que se complementam na prevenção, identificação e resposta a desvios éticos, a construtora oferece a todos os seus colaboradores dois treinamentos virtuais obrigatórios, que são: o Código de Conduta e o Cultura de Integridade MRV.

 
Segundo Maria Fernanda Menin, Compliance Officer da MRV, a construtora quer ser vista com uma empresa ética, sustentável e inovadora. “Esses treinamentos abordam de forma didática e leve os principais pontos do nosso Código de Conduta, Política Anticorrupção, além de reforçar o papel do Canal Confidencial e do Fale com Compliance, e tem como objetivo orientar nossos colaboradores sobre as diretrizes da Cultura de Integridade MRV por meio de instruções comportamentais para lidar da melhor forma com os colegas, fornecedores e com as instituições envolvidas no negócio”, conta.

 
Os treinamentos fazem uso de recursos audiovisuais e infográficos, que tornaram os conteúdos mais dinâmicos e interativos. Simulações de situações em vídeo, com atores envolvidos em tramas que apresentam comportamentos irregulares, permitem reflexões sobre como antecipar e erradicar esse tipo de conduta.

 
Os treinamentos já foram realizados por mais de seis mil funcionários da MRV. “Estamos felizes pelo fortalecimento de nosso Programa de Integridade. Acreditamos que uma cultura de integridade bem difundida influencia positivamente o ambiente de trabalho e os negócios da companhia”, finaliza Maria Fernanda.

 
Acesse o site do Programa de Integridade MRV (www.mrv.com.br/integridade)

 

para conhecer com mais detalhes cada um dos pilares e ficar por dentro de suas ações.

 
Sobre a MRV

Fundada em outubro de 1979, a MRV Engenharia é líder nacional no mercado de imóveis econômicos e a primeira construtora da América Latina a oferecer energia fotovoltaica para seu segmento de atuação. Em seus 38 anos de atividade, já vendeu mais de 300 mil unidades.

Colaboradores do Grupo Aço Cearense realizam campanha solidária para ajudar instituições carentes

 

 

Ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social é uma das missões do Instituto Aço Cearense. São inúmeras ações realizadas no decorrer do ano para o desenvolvimento de projetos e ações que colaborem com a sociedade. Nesse sentido, uma campanha de doação de roupas foi realizada em diversas empresas do Grupo Aço Cearense na última semana.

Mais de 150 colaboradores participaram da ação. O colaborador Denísio Queiroz gostou de poder ajudar. “Eu acredito que a gente colhe o que planta e se eu me disponibilizo a ajudar alguém, Deus providencia o retorno para cada um de nós”, afirmou Denísio sobre a campanha.

As empresas do Grupo arrecadaram 510 peças de roupas. Em Fortaleza, onde estão situadas as empresas Aço Cearense, a Associação Escola de Campeões será a instituição beneficiada com as doações. Já a SINOBRAS, empresa do Grupo, localizada em Marabá, no estado do Pará, irá doar as peças arrecadadas por seus colaboradores para o Abrigo Lar São Vicente de Paulo e para a Associação Educadora São Francisco de Assis. A campanha aconteceu nas empresas do Grupo Aço Cearense no Ceará, no Pará e no Tocantins.

Mauro Benevides Filho apresenta plano econômico de Ciro Gomes a filiados do LIDE Ceará, no próximo dia 31

 

 

O LIDE Ceará vai dar continuidade aos debates com os coordenadores dos planos econômicos dos candidatos à presidência do Brasil, no próximo dia 31 de agosto (sexta). Na ocasião, o economista Mauro Benevides Filho, responsável pelas propostas do candidato Ciro Gomes nessa área, apresentará as principais propostas do presidenciável.

O evento terá como tema “Brasil – cenário econômico e desafios pós-2018”, com enfoque na proposta do presidenciável. O evento é exclusivo para filiados e convidados da entidade. Mauro Filho também participará do Fórum de Competitividade do Lide Global, em São Paulo, no dia 17 de setembro.

No encontro, Mauro abordará as principais ideias de Ciro Gomes (PDT), candidato à Presidência. Uma delas é a proposta de reverter a negativação de nomes no mercado a partir do investimento público no refinanciamento das dívidas. Dentre outras ideias abordadas estão ainda a reformulação do sistema de aposentadorias, imposto sobre movimentações financeiras e a reforma trabalhista.

“A campanha presidencial já começa a tomar conta dos debates no país. Dessa forma, o LIDE Ceará segue com seu objetivo de tornar mais clara as propostas dos principais postulantes na área econômica. Receberemos Mauro Filho, para ouvir sobre suas ideias e o programa econômico do candidato Ciro Gomes para a retomada tão almejada pelo país”, explica Emília Buarque, presidente do LIDE Ceará.

 

Sobre Mauro Filho

Mauro Benevides Filho é formado em Economia pela Universidade de Brasília (UnB). Possui doutorado pela Universidade de Vanderbilt (EUA), na qual convidado como professor visitante para lecionar a disciplina de Microeconomia. É professor do Departamento de Economia Aplicada e no Curso de Mestrado e Doutorado em Economia (CAEN) da Universidade Federal do Ceará UFC.

Já exerceu os cargos de secretário da Fazenda na Prefeitura de Fortaleza, Secretário de Planejamento e Coordenação do Estado do Ceará, Secretário de Governo do Estado do Ceará, Secretário da Administração e Gestão do Governo do Ceará e Secretário da Fazenda – função que ocupou nas duas gestões de Cid Gomes e no mandato do atual governador Camilo Santana. Na campanha presidencial de 2002, foi também o Coordenador do Programa Econômico do candidato Ciro Gomes.

 

Sobre o LIDE Ceará

O LIDE CEARÁ é um grupo de líderes empresariais multisetorial, independente, apartidário, com alta conectividade e com foco no desenvolvimento socioeconômico. O objetivo do grupo é ampliar o ambiente de negócios e as oportunidades, conectando e dando projeção para as empresas, debatendo temas diversos, influenciando e defendendo posicionamentos. O LIDE CEARÁ tem agenda mensal, de fevereiro a novembro, com conteúdo de altíssimo nível e acesso aos principais expoentes do país no campo empresarial e no poder público.

Café-debate com Mauro Benevides Filho

Dia: 31 de agosto (sexta-feira)

Evento exclusivo para convidados

Compõem o Comitê do LIDE CEARÁ:

Presidente

Emília Buarque

Vice-presidente

Sérgio Resende

CONSELHO CONSULTIVO

Deusmar Queirós

Geraldo Luciano Mattos Jr.

Lauro Fiúza Jr.

Pedro Lima

Raimundo Padilha

Severino Ramalho Neto

DIRETORIA

LIDE AGRONEGÓCIOS – Tom Prado

LIDE COMÉRCIO – Francisco Marinho

LIDE CONTEÚDO – Marcos Pinheiro

LIDE CONSTRUÇÃO CIVIL – Patriolino Dias

LIDE CULTURA – Max Perlingeiro

LIDE ECONOMIA – Ivo Machado

LIDE EDUCAÇÃO – Tales de Sá Cavalcante

LIDE ENERGIA – Pedro Fiúza

LIDE GESTÃO – Edson Queiroz Neto

LIDE INDÚSTRIA – Aline Ferreira

LIDE JUSTIÇA – Raul Amaral

LIDE MULHER – Luciana Colares

LIDE SEGURANÇA – Vicente Araújo Jr.

LIDE SOLIDARIEDADE – Ticiana Rolim Queiroz

LIDE TECNOLOGIA – Iuri Colares

LIDE TERCEIRO SETOR – Dado Montenegro

O LIDE nas unidades internacionais (China, Itália, Alemanha, Portugal, EUA, Argentina, Paraguai, dentre outras), representa um ambiente seguro para negócios e desenvolvimento, especialmente entre o mundo e a forte presença do grupo na América Latina, com destaque para o Brasil. A organização está presente nos cinco continentes.

EDP prorroga inscrições do Programa de Investimentos em Eficiência Energética

 

Companhias dos setores industrial, comercial e de serviços, que ainda não se inscreveram no Programa de Investimentos em Eficiência Energética (PIEE), terão até o próximo dia 10 de agosto para realizarem seus cadastros. A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico no País, disponibilizará R$ 60 milhões para corporações que queiram modernizar seus serviços. O PIEE visa modernizar sistemas de iluminação, climatização, refrigeração, ar comprimido ou motores elétricos. As companhias podem cadastrar suas propostas no site edp.com.br/piee até o dia 10 de agosto.

Após avaliar a viabilidade técnica e econômica das propostas, a EDP selecionará as empresas que receberão os investimentos necessários para a implantação das soluções de eficiência energética. O aporte mínimo será de R$ 300 mil por projeto, considerando todos os gastos, como engenharia, instalações, gestão e equipamentos. Os projetos deverão ser implementados no prazo máximo de 12 meses após a assinatura do contrato e as empresas beneficiadas começarão a pagar um valor mensal fixo após a conclusão do trabalho de modernização da infraestrutura.

Para as empresas interessadas no Programa, mas que ainda não possuem um projeto consolidado, é possível seguir o passo a passo disponibilizado no site da EDP para identificar as melhores soluções. Além disso, consultores e empresas de engenharia que desenvolvem projetos desse tipo também poderão submetê-los em nome de seus clientes.

No Ceará, a EDP é responsável pela UTE Pecém I, sediada no município de São Gonçalo do Amarante. Em operação desde 2012, a Usina gera 370 empregos diretos e 1.053 empregos indiretos. A atividade da termelétrica foi responsável pela transformação do Ceará de estado importador em exportador da energia elétrica.

 

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Serviços de Energia, e possui 15 unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica.

Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, adquiriu participação na CELESC, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 12 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Clínica SIM amplia atuação pelo Nordeste

 

O time de investidores da Clínica SIM, que possui unidade no Recife e unidades em Fortaleza, comemora o aporte da Monashees e Temasek, fundos de capital de risco internacionais. De acordo com o diretor de crescimento da rede, Yuri Kaminski, até o fim do ano, a meta é chegar a 15 unidades no Nordeste.

Hoje o projeto de expansão está presente nos estados de Pernambuco e do Ceará. Aqui no Estado, já funcionam 12 unidades, sendo três em shoppings. Em Recife, pelo menos dois novos projetos sairão do papel em breve: um no Shopping Tacaruna e outro em Prazeres. Uma unidade já está em funcionamento na Avenida Conde da Boa Vista. A empresa, inclusive, já abriu seleção pra os setores administrativo e de saúde no estado pernambucano.

#EIMRECEBE TRAZ O ESCRITOR E JORNALISTA GYLMAR CHAVES

Nesta sexta-feira, dia 15, às 11h, teremos mais uma edição do #eimrecebe. O convidado desta vez é o jornalista e escritor Gylmar Chaves, autor de 21 livros publicados por editoras locais e nacionais. O encontro será na sede da EIM Instalações Industriais (Av. Washington Soares, 5.700).
Nos últimos anos, Gylmar Chaves tem se dedicado ao projeto Vamos falar de amor!, pesquisa sobre a construção dos sentimentos e gestos amorosos, observados em períodos históricos diversos, desde os tempos primitivos à contemporaneidade.

Como seria o amor na Antiguidade e na Idade Média? Quais semelhanças, diferenças e contradições inerentes à vivência do afeto desde os primórdios aos dias atuais? Quais as peculiaridades sociais, históricas e ideológicas construídas em nome do amor nas culturas que regem o Oriente e o Ocidente? Esses são alguns questionamentos que serão lançados no programa desta sexta.

 

Projeto #eimrecebe
Tem o intuito de estimular a troca de ideias com profissionais bem-sucedidos em suas áreas de atuação. Em formato de bate-papo, um convidado se disponibiliza a conversar com a turma sobre seu caso de sucesso e suas experiências de vida.

A iniciativa está inclusa no Segmento de Educação Continuada (SEC) da EIM, no qual a empresa oferece a sua equipe e à sociedade momentos voltados ao desenvolvimento do processo de conscientização e à formação pessoal. O projeto acontece sempre na sede da empresa.
Já recebeu a coach Lívia Vasconcelos, a missionária Irmã Conceição, o publicitário Moésio Fiúza, o artista plástico Narcelio Grud, a chef patissier Lia Quinderé, o DJ Guga de Castro, o frasista Serginho Gouveia, o diretor executivo da Mandalah, Rômulo Justa, o montanhista Rosier Alexandre, o cineasta Halder Gomes, o filósofo Carlo Tursi, o rapper Felipe Rima, a designer Celina Hissa, o chef de cozinha Leo Gonçalves, o crítico de cinema Raphael Ph Santos e a diretora de marketing dos Mercadinhos São Luiz, Joana Ramalho, que idealizou o Festival Costume Saudável.

 
Mais sobre Gylmar Chaves
O convidado cursou Licenciatura em Música pela Universidade Estadual do Ceará. Exerceu o cargo de diretor do Museu da Imagem e do Som-MIS. Foi membro do Conselho Administrativo do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, da Comissão de Anistia Wanda Sidou do Estado do Ceará, da Comissão de Difusão do Hino do Estado do Ceará e do Conselho do Idoso do Estado do Ceará.

Certificação ISO e Crescimento das Empresas são debatidos em Ciclo de Palestras AECIPP

 

Oferecer a oportunidades de obter novos conhecimentos que impactam na prática das empresas e valorizar o relacionamento entre a cadeia produtiva atuante no Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Em mais uma edição do Ciclo de Palestras, realizado na última terça-feira, dia 10 de abril, a Associação das Empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (AECIPP) reuniu empresários e executivos de empresas de diversos setores para um momento de troca de saberes.

“Conhecimento gera negócios. A empresa que não estiver preparada não vai aproveitar bem esse ambiente de negócios diferenciado que temos aqui no Pecém”, pontuou o presidente da AECIPP, Ricardo Parente, na abertura das atividades. O auditório do IFCE – Campus Avançado do Pecém contou com cerca de 60 presentes, entre representantes de empresas associadas e convidados. Todos atentos a ouvir o que os dois palestrantes tinham a expor.

O engenheiro Gilberto Martins desvendou os segredos dos diversos tipos de certificações, detalhando aspectos técnicos e formas de se obtê-las, uma vez que elas são fundamentais para os fornecedores prestarem serviços para as empresas instaladas no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP). “Certificação não é algo complexo e em muitas vezes vai ser o diferencial para se fazer bons negócios”, destacou Gilberto em sua fala.

Na sequência, o consultor Carlos Alberto Araújo, diretor da Parceria Consultores, fez um passeio pelos caminhos da gestão estratégica, destacando a relevância da união entre planejamento e ação e apresentando ferramentas modernas de gestão que podem ser implantadas pelas empresas com um custo-benefício positivo. “Em essência, planejar é melhorar a qualidade das decisões empresariais, e isso vai trazer bons frutos para todos que fazem as corporações”, comentou Carlos Eduardo.

Para o diretor-executivo da AECIPP, Ricardo Sabadia, os encontros promovidos pela Associação têm antes de tudo um objetivo maior que é o de aproximar as empresas e estimular um bom relacionamento que possa gerar negócios entre elas. “Conversar, trocar cartões, saber mais sobre os potenciais de produtos e serviços de cada empresa é um ativo espetacular e que pode fazer os participantes dos nossos eventos saírem daqui com novos negócios acertados”, detalha Sabadia.

 

Sobre a AECIPP
A AECIPP é uma entidade empresarial, sem fins lucrativos, com atuação no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP) e região. A associação nasceu com o intuito de fortalecer e desenvolver, de forma sustentável, as atividades empresariais, industriais e de serviços nessa área, tanto atendendo as demandas e interesses das empresas associadas como atraindo cada vez mais oportunidades de negócio. A associação conta atualmente com 29 associados, que juntos geram mais de dez mil empregos diretos. Atualmente, o CIPP gera mais de 50 mil empregos diretos e indiretos.

Alunos formados ou em formação pelo SENAI Ceará têm preferência nas empresas

 

 

O SENAI Ceará obteve o total de 100% da preferência das empresas pela solicitação de alunos formados ou em formação pela instituição, considerando os cursos técnicos de nível médio. A unanimidade foi revelada pela Pesquisa nacional chamada “Acompanhamento de Egressos do SENAI” por meio do indicador que reúne informações dos anos 2015, 2016 e 2017. O Estado é destaque por ter ultrapassado a meta mínima, nacional, de 95% de preferência das empresas pelos estudantes da instituição.

A Pesquisa de Acompanhamento de Egressos do SENAI é realizada em âmbito nacional pelo SENAI Nacional em parceria com os SENAIs de cada Estado e visa a monitorar indicadores sobre alunos formados ou em fase de conclusão de cursos (egressos e concluintes) em três modalidades de ensino: Aprendizagem, Qualificação e Técnico.

O painel consolidado da pesquisa é o documento reúne informações sobre o triênio 2015-2017, apresentadas no Sistema SAPES, cuja coleta envolveu três categorias de informantes: (i) concluintes – alunos em fase de conclusão de curso; (ii) egressos – alunos formados entre 6 e 12 meses; (iii) empresas – representadas por gestores de ex-alunos ocupados na área de formação. Sobre essa base, que compreende mais de 220 mil entrevistas, foram construídos indicadores sobre alunos concluintes, egressos, bem como sobre a imagem institucional do SENAI.

O SENAI Ceará obteve destaque no grande desafio (GD 3) que define como meta assegurar no mínimo 95% de preferência das empresas pelos alunos formados ou em formação dos cursos do SENAI.