Browsing Tag

alimentos

Campanha Natal Sem Fome doa quase 300 toneladas de alimentos não perecíveis

 

A campanha Natal Sem Fome, promovida nacionalmente pela ONG Ação da Cidadania e desenvolvida no Ceará pelo Instituto Nordeste Cidadania (Inec), arrecadou quase 300 toneladas de alimentos não perecíveis que foram doados para milhares de pessoas em situação de vulnerabilidade social. A arrecadação da campanha, que envolve parceiros e todos os mais de sete mil empregados do Inec – distribuídos por toda a região Nordeste e norte de Minas Gerais e Espírito Santo – superou significativamente a meta que era de 180 toneladas.

Em comparação com a arrecadação de 2017, o crescimento das doações foi ainda maior, de 79 toneladas para pouco mais 294 toneladas em 2018. O Ceará foi o estado que mais recebeu alimentos. Somando as doações na sede do INEC, nos parceiros e unidades no interior, foram arrecadadas mais de 108 toneladas, superando a meta que era de 80 toneladas. Os alimentos foram entregues em dezembro e janeiro e fizeram a alegria de milhares de habitantes em situação de vulnerabilidade social das regiões participantes da campanha.

Nacionalmente, a campanha Natal Sem Fome arrecadou 1.091.200 kg de alimentos, beneficiando mais de 500.000 pessoas. De acordo com os organizadores da campanha, a ação tem como objetivo não só alimentar famílias no natal, mas visa principalmente chamar a atenção dos governantes e da sociedade para a questão da fome e cobrar destes a implementação de políticas de erradicação da fome em um país ao mesmo tempo tão rico e desigual.

Ao longo dos 25 anos de atuação, a campanha Natal sem Fome, que atua em 20 Estados do Brasil, já arrecadou 32.149.200 kg de alimentos e beneficiou 16 milhões de brasileiros em situação de vulnerabilidade social.

 

Parceiros da campanha

Em âmbito nacional a ação contou com a parceria de duas agências da ONU, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e o Programa Mundial de Alimentos (PMA). Organizações e empresas como Banco do Nordeste do Brasil S.A., Oxfam, Mastercard, B2W, Lojas Americanas, iFood e Ancar Shoppings também participaram nacionalmente de toda a Campanha. No Ceará, a iniciativa contou, ainda, com parceria da Defesa Civil do Ceará, Sodexo, Camed, Sesc, C.Rolim Engenharia, Movimento ODS Ceará, Rede de Mulheres Empreendedoras Sustentável (Remes) e Governo do Estado do Ceará.

 

Inec

O Instituto Nordeste Cidadania (Inec) surgiu em 1993 como Comitê de Ação da Cidadania para realizar ações emergenciais, como doações de cestas básicas, roupas e brinquedos para pessoas em situação de vulnerabilidade social e depois passou a realizar projetos voltados à geração de emprego e renda e organização comunitária.

Em 1996, a iniciativa constituiu-se como Organização Não-Governamental (ONG) e, em 2003, foi qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip). O Inec, que completou 25 anos em 2018, tem como missão contribuir com a inclusão e o desenvolvimento sociocultural e econômico das pessoas. Para alcançar este objetivo, a instituição é parceira do Banco do Nordeste na operacionalização dos programas Crediamigo e Agroamigo, além de desenvolver programas socioambientais: Inec Juventude, Inec Cultura, Inec Território e Inec Tecnologia.

 

Sobre a Ação da Cidadania

Nasceu em 1993, formando uma imensa rede de mobilização de alcance nacional para ajudar 32 milhões de brasileiros que, segundo dados do Ipea, estavam abaixo da linha da pobreza. Entre 1993 e 2005 foram arrecadadas 30.351 toneladas de alimentos em todo o Brasil, beneficiando 3.035.127 famílias. Entre 2006 e 2010 foram distribuídos 2.300.000 brinquedos e 500.000 livros em todo o país.

 

Criada no auge do Movimento pela Ética na Política, a Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida transformou-se no movimento social mais reconhecido do Brasil. Seu principal eixo de atuação é uma extensa rede de mobilização formada por comitês locais da sociedade civil organizada, em sua maioria compostos por lideranças comunitárias, mas com participação de todos os setores sociais.

Mais de 11 mil produtos são doados pela Corrente do Bem Hapvida

 

Realizada em dezembro, a campanha Corrente do Bem Hapvida, promovida junto aos colaboradores e profissionais de saúde da empresa, arrecadou 11.300 itens alimentícios entre arroz, feijão, açúcar, sal, café, fubá, farinha, óleo, sardinha, macarrão e extrato de tomate.

A campanha foi realizada nos nove estados da região Nordeste, bem como no Amazonas e no Pará. As doações vão beneficiar os cidadãos das regiões interioranas do Brasil. A Corrente do Bem acontece desde 2016, sempre no último mês do ano, com o objetivo de estimular nos colaboradores da empresa o desejo de fazer o bem.

SindiAlimentos Ceará participa da Sial Paris, maior rede de feiras de alimentos do mundo, de 21 a 25 de outubro, com empresas cearenses representando o Estado

 

Tendo à frente de sua presidência o empresário André Siqueira, o Sindicato das Indústrias da Alimentação e Rações Balanceadas no Estado (SindiAlimentos) do Ceará, após uma semana de intensas atividades na Itália e Suíça, agora segue na expectativa da participação na International Food Show (Sial) Paris, a maior rede mundial de feiras de alimentos e bebidas.

A comitiva, formada por 28 pessoas de dez empresas filiadas ao Sindicato, visitarão a feira. Já as empresas cearenses Frutã, Natvita e Nossa Goma estarão expondo seus produtos em stands organizados pelo Sindialimentos, de 21 a 25 de outubro, na capital francesa. Também foram escolhidas 20 indústrias do Brasil, pela Rede dos Centros Internacionais de Negócios (CIN), para compor uma vitrine de produtos brasileiros. Destas, quatro indústrias são cearenses e associadas ao Sindialimentos: Nossa Fruta, Onvit, Alimempro e Tropicássia.
“Estamos contentes e com boas expectativas, para ampliar nossos conhecimentos, trocar experiências e, ainda, pela participação de três importantes empresas do Ceará, que também são associadas do SindiAlimentos, Nossa Goma, Natvita e Frutã, estarem entre expositores de todo o mundo”, afirmou André, que também é presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC).
No dia 22 de outubro, acontecerá o “Ceará Day”, voltado para que visitantes e empresas conheçam, mais profundamente, os produtos cearenses. A atividade está dentro das ações do “Brazilian Specialties”. Trata-se de uma iniciativa do SindiAlimentos, em parceria com Sebrae e Fiec, que tem como principal objetivo levar o sabor da culinária brasileira, mais especificamente a cearense, para todo o mundo. O foco é internacionalizar as características tropicais e exóticas dos alimentos regionais.

Sendo assim, o projeto estará no pavilhão nacional da SIAL, expondo produtos como tapioca, sucos tropicais e o Natchup, molho semelhante ao katchup, desenvolvido tendo como base a acerola orgânica e outros componentes naturais.
Dentre as outras atividades, os empresários cearenses integrantes da comitiva poderão participar, dias 22 e 24, de Rodada de Negócios que ocorrerá para empresas da Rede CNI, da Argentina e México. Os encontros ocorrerão no stand coletivo da APEX.

 

TRADIÇÃO – O SindiAlimentos do Ceará foi criado há 42 anos e tem como principal objetivo fortalecer os produtos empresas cearenses do ramo alimentício. Em 2010, ampliou de um para 24 segmentos a atuação. Atualmente, possui 123 associados e a proposta do atual presidente é realizar um forte e estruturado trabalho com projeto junto às empresas, ampliando o número de associados a cada ano.
Dentre as formas de atuação, está a realização de ações voltadas para o aumento de base, a qual lhe garantiu o 1º lugar estadual e o 2º lugar do Brasil, no Prêmio de Boas práticas Sindicais; a criação da campanha “Ceará no seu Prato”; a criação do Portal Digital para as indústrias associadas, além dos projetos em parceria com Sistema FIEC e Sebrae, dentre outras.

Inec lança Campanha Natal sem Fome 2018

 
Quase 15 milhões de brasileiros estão abaixo da linha da pobreza mas poderão ter um Natal diferente, com comida. Para arrecadar alimentos não perecíveis para a população que tanto necessita será lançada, neste domingo (21), a partir das 8 horas, no Parque do Cocó, a Campanha Natal sem Fome 2018. A iniciativa terá lançamentos em vários estados do país entre os dias 14 e 21 de outubro. No Ceará, o evento contará com apresentações culturais, sensibilização do público para a problemática da fome e incentivo a doações.
A meta de arrecadação nacional será de duas mil toneladas de alimentos não perecíveis, sendo 25 toneladas apenas no estado do Ceará. A população poderá doar alimentos no dia 21 de outubro, domingo, no Parque do Cocó, e também por meio de hotsite e nos postos de arrecadação até o dia 17 de dezembro. Confira os locais de arrecadação em www.inec.org.br.
Promovida nacionalmente pela ONG Ação da Cidadania e desenvolvida no Ceará pelo Instituto Nordeste Cidadania (Inec), Comitê Estadual desde 2003, a Campanha Natal Sem Fome envolve parceiros e todos os mais de sete mil empregados do Inec – distribuídos por toda a região Nordeste e norte de Minas Gerais e Espírito Santo – em uma grande rede de solidariedade.
Em âmbito nacional a ação conta com a parceria de duas agências da ONU, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e o Programa Mundial de Alimentos (PMA). Organizações e empresas como Banco do Nordeste do Brasil S.A., Oxfam, Mastercard, B2W, Lojas Americanas, iFood e Ancar Shoppings também participarão nacionalmente de toda a Campanha. No Ceará a iniciativa conta, ainda, com parceria da Defesa Civil do Ceará, Sodexo, Camed, Sesc, C.Rolim Engenharia, Rede ODS Ceará, Rede de Mulheres Empreendedoras Sustentável (Remes) e Governo do Estado do Ceará.
O Instituto Nordeste Cidadania (Inec) surgiu em 1993 como Comitê de Ação da Cidadania para realizar ações emergenciais, como doações de cestas básicas, roupas e brinquedos para pessoas em situação de vulnerabilidade. Em 1996, a iniciativa constituiu-se como Organização Não-Governamental (ONG) e, em 2003, foi qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip). O Inec, que completa 25 anos em 2018, tem como missão contribuir com a inclusão e o desenvolvimento sociocultural e econômico das pessoas. Para atingir este objetivo, a instituição é parceira do Banco do Nordeste na operacionalização dos programas Crediamigo e Agroamigo, além de desenvolver projetos socioambientais nos eixos Educação e Cultura e Desenvolvimento Comunitário.

 

Sobre a fome no Brasil
Pelo terceiro ano consecutivo, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) anunciou um aumento no número de pessoas que sofrem de fome. No caso da América Latina e do Caribe, 39,3 milhões de pessoas vivem subalimentadas na região, um aumento de 400 mil pessoas desde 2016.
Segundo O Estado da Segurança Alimentar e Nutrição no Mundo 2018 (SOFI), em nível mundial quase 821 milhões de pessoas – cerca de uma em cada nove – foram vítimas da fome em 2017, um aumento de 17 milhões em relação ao ano anterior.
De acordo com José Graciano da Silva, diretor-geral da FAO, dados recentes divulgados pela Pnad Contínua, do IBGE, entretanto, sinalizam um aumento da extrema pobreza no país em cerca de 11% de 2016 para 2017 (de 13,3 para 14,8 milhões de pessoas). Tal incremento da pobreza extrema poderá, sim, refletir no aumento do número de pessoas que passam fome no país.

 

Como e onde doar?
Sede do Inec (Av. Dr. Silas Munguba, 3500 – Itaperi. Fone: 85 3209.9200)

Unidades do Banco do Nordeste e todos os pontos de atendimento dos Programas Agroamigo e Crediamigo

North Shopping Fortaleza – Fortaleza

North Shopping Jóquei – Fortaleza

Via Sul Shopping – Fortaleza

North Shopping Maracanaú
Doações também podem ser realizadas pelo site www.natalsemfome.org.br (via cartão de crédito ou boleto), de 21 de outubro a 17 de dezembro.
A entrega dos alimentos será feita nos dias 21, 22 e 23 de dezembro em todos os estados participantes através da rede de comitês da Ação da Cidadania em todo o país, fazendo o alimento chegar a centenas de milhares de famílias em situação de insegurança alimentar.

 

Sobre a Ação da Cidadania
Nasceu em 1993, formando uma imensa rede de mobilização de alcance nacional para ajudar 32 milhões de brasileiros que, segundo dados do Ipea, estavam abaixo da linha da pobreza. Entre 1993 e 2005 foram arrecadadas 30.351 toneladas de alimentos em todo o Brasil, beneficiando 3.035.127 famílias. Entre 2006 e 2010 foram distribuídos 2.300.000 brinquedos e 500.000 livros em todo o país. Criada no auge do Movimento pela Ética na Política, a Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida se transformou no movimento social mais reconhecido do Brasil. Seu principal eixo de atuação é uma extensa rede de mobilização formada por comitês locais da sociedade civil organizada, em sua maioria compostos por lideranças comunitárias, mas com participação de todos os setores sociais.
Serviço:

Lançamento da Campanha Natal sem Fome 2018

Data: 21 de outubro de 2018

Local: Tenda Natal sem Fome no Parque do Cocó (Av. Padre Antônio Tomás, s/n – Cocó)

Horário: a partir de 8 horas

Mais informações: www.inec.org.br / (85) 3209.9237 (Gerência Socioambiental e de Comunicação do Inec)

NO DIA DOS PAIS PÃO DE AÇÚCAR OFERCE DESCONTOS DE ATÉ 40% EM BEBIDAS E ALIMENTOS

 

O Dia dos Pais que acontece neste final de semana será repleto de promoções do Pão de Açúcar que também está em clima de festa pelos seus 59 anos de história. Ambas as datas comemorativas, são motivos para a rede preparar ofertas imperdíveis em itens que são perfeitos para celebrações.

Entre as ofertas programadas para os dias 10, 11 e 12 de agosto, estão uma seleção de bebidas (como uísques e vodkas) e alimentos com descontos de até 40%. Os destaques ficam por conta dos rótulos da linha Jack Daniel’s: Black, Fire ou Honey (1 litro), que estarão de R$149,90 por 119,90 cada.

Já as vodkas estão em uma seleção especial com até 50%. A sueca Absolut 750ml, por exemplo, estará de R$ 99,90 a R$ 59,90 e a vodka francesa Ciroc 750ml, de R$ 199,90 por R$ 99,90.

 

As promoções são válidas de 10 a 12 de agosto para clientes do programa de fidelidade gratuito Pão de Açúcar Mais e estarão disponíveis em todas as lojas Pão de Açúcar, Minuto Pão de Açúcar e no e-commerce.

café com especialista Bruno Modolo

 

O Café com Especialista faz parte da programação do IDE e traz especialistas para debaterem os mais diversos assuntos pertinentes as áreas de formação que o instituto atua. O evento acontece no dia 16 de agosto de 2018, na sede do IDE em Fortaleza, no Empresarial Hot Center (Av. Júlio Abreu, 160 – 1º Andar – Varjota).

Nesta edição será abordado o conceito de qualidade e que é controle de qualidade; também as dificuldades para implantação de um controle de qualidade eficaz, os impactos na gestão e reflexos do controle de qualidade na redução de custos para o setor de alimentação.

O papo será conduzido por Bruno Modolo que é graduado em Gastronomia pelo Centro Universitário Senac São Paulo com Formação em Sommelier pela mesma instituição, ProChef pelo The Culinary Institute Of America CIA – USA, atuou como instrutor e depois coordenador de Consultorias e do Programa Alimento Seguro do Senac Ceará. Hoje atua como docente em educação profissional, ensino superior, especialização e consultor em gastronomia e gestão de empresas de foodservice.

O evento é voltado para estudantes e profissionais que trabalhem na área de controle de qualidade de alimentos e faz parte do programa da Pós-Graduação em Controle de Qualidade dos Alimentos.

O curso tem como objetivo qualificar profissionais para desempenharem atividades no ramo de Controle de Qualidade em unidades de serviço que lidem com alimentos, tanto do ponto de vista industrial como de oferecimento para consumo pelo público.

Tem a Duração de 19 meses e está voltado para Nutricionistas, veterinários, biomédicos, biólogos, hoteleiros, gerentes de controle de qualidade, administradores de serviços de alimentação, Zootecnistas, engenheiros de alimentos, farmacêuticos e demais profissionais que trabalhem na área de controle de qualidade de alimentos.

 

Tem como grande diferencial:

• Visitas técnicas em unidades de alimentação.

• Presença do coordenador em sala todos os módulos

• Todo corpo docente é formado por mestres e doutores capacitados e com vasta experiência nas áreas abordadas;

• O aluno sairá especializado em uma área com carência de profissionais qualificados.