LIVRO QUE CONTA A TRAJETÓRIA DA RÁDIO ASSEMBLEIA SERÁ LANÇADO NESTA QUARTA (30)

 

A história de uma emissora pública, pioneira e comprometida com o Ceará é o foco do livro “FM Assembleia 96,7 – 10 anos Com Você no Centro das Discussões”, que será lançado na próxima quarta-feira (30), às 18h30, no auditório Murilo Aguiar, da Assembleia Legislativa.
A obra, de autoria da jornalista Fátima Abreu, diretora da FM Assembleia, retrata a trajetória de 10 anos da primeira emissora de um Legislativo Estadual no País. A partir da apresentação de um histórico da rádio, o livro reitera o pioneirismo da Assembleia do Ceará em abrigar a FM Assembleia, assim como a relevância das mídias legislativas.

Fátima Abreu ressalta a importância de contar a história das emissoras de rádio, seus fundadores e personalidades como forma de marcar essas trajetórias importantes para a sociedade. Para ela, o livro pode se tornar uma importante fonte para ampliar o entendimento sobre a emissora e seu trabalho. Personagem da FM Assembleia desde o projeto inicial, ela reafirma o amor ao rádio por meio das páginas e histórias contadas no livro.

O coordenador de Comunicação Social da Assembleia Legislativa, IloSantiago Jr., afirma que é especial que o livro tenha sido escrito por alguém como Fátima Abreu, que está desde o nascedouro da rádio. Para ele, contar essa história para as próximas gerações permite mostrar o orgulho que a Casa tem da FM Assembleia, emissora que representa um ganho para toda a sociedade cearense. Ele ressalta ainda que os caminhos da FM Assembleia ao longo desses 10 anos são resultado de uma equipe dedicada, profissional e com um grande compromisso social.

O livro apresenta o projeto da FM Assembleia, o perfil dos fundadores, detalhando os programas que compõem a emissora pública e educativa e os conteúdos que apontam para o compromisso com a difusão da cultura local e nacional.

“FM Assembleia 96,7 – 10 anos Com Você no Centro das Discussões” foi realizado a partir do trabalho de conclusão de curso (TCC) de Fátima Abreu no MBA Jornalismo Político e Comunicação Midiática, na Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace). O trabalho teve orientação do professor João Paulo Bandeira e contou com a colaboração de jornalistas da equipe da rádio.

Você também pode gostar leia